Boletim

 Fale conosco
Libertadores 2006
Quinta, 11 de maio de 2006, 23h22  Atualizada às 08h37
Com erros de Simon, Libertad empata com River
 
EFE
Bonet comemora primeiro gol do Libertad em Buenos Aires
Bonet comemora primeiro gol do Libertad em Buenos Aires
 Últimas de Libertadores 2006
» Jornal: Palmeiras renova com Adidas e alivia atrasos salariais
» Procurador de Finazzi cobra posição da Ponte Preta
» vc repórter: torcida do Inter cumpre promessa após título
» Fernandão divide prêmio com companheiros de Inter
Busca
Busque outras notícias no Terra:
O Libertad, do Paraguai, surpreendeu ao arrancar um empate por 2 a 2 com o River Plate, nesta quinta-feira, em Buenos Aires, no jogo de ida das quartas-de-final da Copa Libertadores. O duelo ficou marcado por erros do árbitro brasileiro Carlos Eugênio Simon.

Confira a tabela das quartas
Confira os artilheiros
Leia mais sobre a Libertadores

O trio de árbitros liderado pelo brasileiro, que atuará na Copa do Mundo da Alemanha, marcou um impedimento após uma cobrança de lateral e ainda validou o segundo gol do River, que foi irregular.

Com o empate, o time paraguaio jogará por um empate por até 1 a 1 em Assunção. Um novo resultado de 2 a 2 levará a decisão para os pênaltis. As duas equipes voltarão a se enfrentar em Assunção, após a Copa do Mundo da Alemanha.

O River Plate pressionou durante todo o primeiro tempo, mas sofreu o gol aos 39min. Bonet recebeu um lançamento na direita e pegou de primeira, acertando um belo chute no ângulo esquerdo do goleiro Lux.

No segundo tempo, a pressão do River resultou no empate aos 32min, com Montenegro.

Mas um minuto depois o Libertad voltou a estar em vantagem, em mais um belo gol de Bonet.

A equipe argentina igualou novamente o marcador aos 39min, com Farias, em posição de impedimento.

O vencedor do confronto entre Libertad e River Plate disputará a semifinal com LDU, do Equador, ou Internacional.


 

Lancepress!