Libertadores 2008

› Esportes › Futebol › Libertadores 2008

Libertadores 2008

Sexta, 4 de julho de 2008, 18h52 Atualizada às 19h03

LDU fatura alto com título da Copa Libertadores

A conquista da Copa Libertadores rendeu à LDU não apenas um título inédito, mas também um cofre cheio. Entre premiações e receitas com venda de jogadores durante a competição, o clube de Quito faturou US$ 7,8 milhões (mais de R$ 12 milhões).

Como prêmio pelo caneco, a LDU recebeu US$ 3,27 milhões (cerca de R$ 6 milhões) da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol). A premiação é dividida em cotas referentes a cada etapa da competição.

Pela fase de grupos, a LDU recebeu US$ 100 mil (R$ 160 mil) por cada um dos três jogos em casa. Nas oitavas-de-final, o valor subiu para US$ 140 mil (R$ 224 mil).

Na fase seguinte, o clube equatoriano faturou US$ 180 mil (R$ 288 mil), enquanto nas semifinais a quantia foi de US$ 250 mil (R$ 400 mil). Pelo título, a premiação disparou: US$ 2,2 milhões (pouco mais de R$ 3,5 milhões).

Outros US$ 200 mil (R$ 320 mil) foram entregues à LDU por benefícios extras. Além disso, o clube faturou US$ 4,5 milhões (R$ 7,2 milhões) pela venda ao Getafe (ESP) do ala Guerrón. O jogador foi o destaque da equipe equatoriana na Libertadores.

A LDU dividirá parte do prêmio recebido entre os 18 jogadores que participaram da conquista. Cada um embolsará US$ 50 mil (US$ 80 mil) pelo título continetal, totalizando US$ 900 mil (R$ 1,4 milhão) distribuídos.

Lancepress!

Busque outras notícias no Terra