0

Manchester City demite técnico Roberto Mancini

13 mai 2013
19h22
atualizado às 19h53

O Manchester City anunciou nesta segunda-feira a demissão de seu técnico, o italiano Roberto Mancini, dois dias após a derrota por 1 a 0 para o Wigan na final da Copa da Inglaterra.

"Foi uma difícil decisão do proprietário, do presidente e da direção do clube e faz parte de um processo de análise do final da temporada", afirmou o clube em seu site oficial.

O City acrescentou que, "apesar de todos os esforços, o clube fracassou em seus objetivos para a temporada, com exceção da classificação para a próxima edição da Liga dos Campeões".

O presidente do clube, Khaldoon Al Mubarak, declarou que o técnico tem a gratidão e o respeito dele e do sheik Mansour, proprietário do clube, por "seu trabalho e compromisso durante os últimos três anos e meio".

"Ganhou o carinho e o respeito de nossos torcedores. Como prometeu, colocou fim a um longo período de 35 anos sem títulos e, em 2012, conquistou o Campeonato Inglês", disse Mubarak.

Mancini, que tinha contrato até 2016, será substituído interinamente por Brian Kidd, que dirigirá a equipe nos dois últimos jogos do City pelo Inglês.

O favorito para assumir o cargo é o chileno Manuel Pellegrini, que fez excelente temporada no comando do Málaga.

Roberto Mancini chegou ao Manchester City em dezembro de 2009 e conquistou desde então uma Copa da Inglaterra, uma Community Shield (Supercopa da Inglaterra) e um Campeonato Inglês.

No entanto, o treinador também acumulou vexames ao longo de sua passagem, como as eliminações na fase de grupos da Liga dos Campeões nas suas duas participações pelo City.

EFE   

compartilhe

publicidade
publicidade