Mundial de Clubes

publicidade
09 de dezembro de 2012 • 13h00

Tite vê Al Ahly experiente e confirma time titular da semifinal

Técnico Tite observa atentamente o duelo entre Hiroshima Sanfrecce e Al Ahly
Foto: Ricardo Matsukawa / Terra
  • Direto de Nagoya
 

O técnico Tite foi ao Estádio de Toyota analisar de perto o confronto das quartas de final entre Al Ahly e Hiroshima neste domingo, que definiria o rival do Corinthians na semifinal do Mundial de Clubes. E, com a vitória da equipe do Egito, o treinador brasileiro analisou o rival, fez elogios à experiência dos africanos e confirmou a escalação titular para o duelo com Guerrero no ataque.

» Pelé, Corinthians e Mazembe; lembre fatos do Mundial de Clubes
» Monte o time ideal do Corinthians para o Mundial de Clubes
» Vai seguir o Corinthians no Japão? Conte sua história!

"O Guerrero tem a melhor média de gols, é agudo e goleador. Essa composição está definida", definiu Tite, se referindo à formação com: Cássio; Alessandro, Chicão, Paulo André e Fábio Santos; Ralf, Paulinho e Douglas; Danilo, Emerson e Guerrero. Assim, o Corinthians irá com força total para o confronto com o Al Ahly, já que o peruano se recuperou de lesão.

O camisa 9 havia se lesionado durante clássico contra o São Paulo no último domingo e era dúvida para a disputa do Mundial de Clubes, já que sua recuperação iria demorar até 15 dias. Mas o atleta se empenhou, fez uma infiltração no joelho direito e conseguiu ficar à disposição em tempo de encarar o Al Ahly. E o técnico Tite elogiou o rival das semifinais.

"O jogo das quartas foi equilibrado, de momentos distintos e de equipes dominando geralmente o começo do jogo e traduzindo isso em gol. O Hiroshima no segundo tempo foi superior e não traduziu em gol. O Al Ahly é experiente e de força física, o Aboutrika reprograma a jogada e tem qualidade no passe", analisou Tite.

"Os egípcios jogam com quatro defensores, linha de quatro e iniciam com dois atacantes, um de velocidade e um mais pivô, e o Aboutrika depois rodando em volta. É um time experiente, jogou contra o Inter, não queima a bola no pé e imaginávamos que ia ter essas características", acrescentou o treinador corintiano.

O Corinthians encara o Al Ahly no próximo dia 12 de dezembro, em duelo agendado para as 8h30 (de Brasília), no Estádio de Toyota. Do outro lado da chave, o Chelsea encara o Monterrey, em embate que definirá o outro finalista do Mundial de Clubes da Fifa realizado no Japão.

Terra Terra