Mundial de Clubes 2006

Mundial de Clubes 2006

Quinta, 14 de dezembro de 2006, 10h11 

Ronaldinho marca, Barcelona dá show e pega Inter

Allen Chahad
Direto de Yokohama
AP

Gudjohnsen foi o responsável pela abertura do placar em Yokohama
Enquete

Quem será campeão mundial?

Barcelona
Internacional

Busca
Saiba mais na Internet sobre:
Busque outras notícias no Terra:
O Barcelona ensaiou durante toda semana o mesmo discurso: o América-MEX era favorito por estar mais adaptado ao fuso horário do Japão. Mas em campo, o que se viu nesta quinta-feira foi o time espanhol dar show e, com gol de Ronaldinho, fazer 4 a 0 e garantir sua vaga na decisão do Mundial de Clubes contra o Internacional.

Opine: quem será campeão do Mundial de Clubes?
Veja fotos da partida
Ronaldinho cria histeria coletiva em Yokohama
Conheça os times do Mundial
Confira dicas sobre o Japão
Veja a tabela completa

Com a vitória, o Barcelona decide o torneio contra o clube brasileiro, que garantiu a vaga após vitória por 2 a 1 sobre o Al Ahly, no próximo domingo, às 8h20 (horário de Brasília).

O triunfo espanhol começou a ser construído logo aos 10min. Após receber passe de Ronaldinho, brasileiro deu um ótimo toque de letra para Iniesta, que abriu para Gudjohnsen na esquerda. O islandês, praticamente caído, tocou com categoria no canto esquerdo de Ochoa e abriu o placar.

Aos 29min, confirmando a soberania da equipe espanhola em campo, o Barcelona aumentou o placar. Deco bateu escanteio da direita na pequena área. Rafael Marquez subiu, se livrou da marcação, e desviou de cabeça no canto oposto do goleiro, abrindo vantagem ainda maior para o time da Cataluña.

Aos 36min, a torcida japonesa quase foi a loucura. Ronaldinho fez o giro rápido em cima de dois jogadores e trombou com o brasileiro Fabiano, que parou o lance, mas não os aplausos dos 62.316 aficionados que encheram o Estádio de Yokohama.

Na segunda etapa, o técnico Luis F. Tena colocou em campo o meia experiente Blanco no lugar de Cabanas. No entanto, o que se viu foi o predomínio do Barcelona ser confirmado.

Antes dos 20 minutos, em mais uma jogada sensacional do Barcelona, Deco deu toque de calcanhar para Giuly, que bateu cruzado. O goleiro Ochoa espalmou e, na sobra, Ronaldinho dominou, olhou, escolheu o canto e colocou no ângulo do mexicano, fazendo o terceiro gol.

Aos 33min, Ronaldinho, mais uma vez, deixou a torcida estupefata. Em jogada de treino, o meia entrou fazendo fila na área mexicana e, na frente do goleiro, tocou de calcanhar para Deco, que acabou chutando no rosto brasileiro, arrancando risada dos jogadores.

Mas, aos 38min, Ronaldinho puxou contra-ataque em velocidade, fez o breque e tocou para trás para Deco. Brasileiro acertou uma pancada e fez um belo gol coroando sua atuação e fechando o placar.

Ficha Técnica

Barcelona 4 x 0 América-MEX

Equipes

Valdes
Zambrotta
Rafael Marquez
Puyol
Van Bronckhorst
Motta
(Xavi)
Iniesta
Deco
Ronaldinho
Giuly
(Belletti)
Gudjohnsen
(Ezquerro )
Ochoa
Castro
Oscar Rojas
Davino
Villa
Fabiano
(Mendosa)
Cabanas
(Blanco)
Ricardo Rojas
Arguello
Cláudio López
(Vuosa)
Cuevas
Técnico:
Frank Rijkaard
Técnico:
Luis F. Tena

Gols

10min - 1 ° tempo
Gudjohnsen
28min - 1 ° tempo
Rafael Marquez
19min - 2 ° tempo
Ronaldinho
38min - 2 ° tempo
Deco
 

Cartões Amarelos

  Fabiano
Cláudio López

Cartões Vermelhos

   
Local: Yokohama Stadium, em Yokohama (JAP)
Árbitro: Oscar Ruiz (COL)
Redação Terra