1 evento ao vivo

Newell's Old Boys elimina o Boca Juniors em disputa louca de pênaltis

29 mai 2013
22h07
atualizado às 22h15

Em 180 minutos de futebol, a bola não entrou. Na disputa de pênaltis, todos os jogadores que terminaram em campo foram obrigado a serem provados na marca da cal (alguns mais de uma vez). Os batedores do Newell's foram mais eficientes e os leprosos derrotaram o Boca Juniors por 10 a 9, confirmando vaga na semifinal da Copa Libertadores.

O adversário na próxima fase sai, a priori, do confronto entre Atlético-MG e Tijuana (MEX). Se o Galo eliminar os mexicanos e o Fluminense tirar o Olimpia, o rival será o Independiente de Santa Fe (COL).

Desta vez, a mística xeneize caiu por terra. Prevaleceu a juventude rosarina depois de dois jogos que ficaram longe do espetáculo.

Sem a mesma juventude, ímpeto, talento e qualidade do adversário, o Boca Juniors veio ao Parque Independência para dobrar o Newell's Old Boys. E logrou êxito nas duas metades do cotejo, mesmo empurrado para o campo de defesa.

O time de Carlos Bianchi adora uma partida amarrada e brigada no meio de campo. Só assim tem chance de cozinhar o rival e fazê-lo acreditar que é senhor da partida, quando na verdade, o Boca se finge de morto para dar o bote.

O Newell's Old Boys, cauteloso com o placar em branco, aceitou a proposta dos xeneizes.

Os portenhos viveram o melhor momento no segundo tempo. A única chance não entrou por capricho: lance genial de Riquelme e cabeçada na travessão de Blandi. Na sequência, Clemente Rodríguez foi expulso e obrigou o time a ficar todo atrás, jogando com o peso da camisa.

Até o apito final, o Newell's martelou, martelou, martelou e nada.

PÊNALTIS

Foram 20 cobranças. Tanto Newell's quanto Boca tiveram a chance de colocar um ponto final várias vezes, mas era noite para matar o torcedor do coração.

Depois de quase dez minutos na marca da cal, Martínez parou nas mãos de Guzmán e Maxi Rodríguez acertou a cobrança, sepultando o Boca Juniors da dupla Riquelme-Bianchi

FICHA TÉCNICA

NEWELL'S OLD BOYS (10) 0 X 0 (9) BOCA JUNIORS

Local: Estádio Marcelo Bielsa, em Rosário (ARG)

Data e horário: 29 de maio de 2013, às 19h30 (horário de Brasília)

Árbitro: Germán Delfino (ARG)

Cartão Amarelo: Scocco (NOB); Clemente Rodríguez, Caruzzo, Riquelme (BOC)

Cartão Vermelho: Clemente Rodríguez, 11'/2ºT (BOC)

Gols: -

NEWELL'S OLD BOYS: Guzmán, Cáceres, Vergini, Heinze e Casco, Mateo (Tonzo, 37'/2ºT), Pablo Pérez (Orzán, 19'/2ºT) e Bernardi; Maxi Rodríguez, Figueroa (Urruti, 40'/2ºT) e Scocco. Técnico: Gerardo Martino

BOCA JUNIORS: Orión, Marín, Caruzzo, Pérez e Clemente Rodríguez, Somoza, Erbes, Erviti (Martínez, 40'/2ºT), Sánchez Miño (Rodríguez, 33'/2ºT) e Riquelme; Blandi (Zarate, 15'/2ºT). Técnico: Carlos Bianchi

Fonte: Lancepress! Lancepress!
publicidade