inclusão de arquivo javascript

Futebol

 
 

Geninho é o novo técnico do Corinthians

09 de janeiro de 2003 22h21

São Paulo ? O técnico Geninho acertou com o Corinthians para dirigir a equipe nesta temporada. Segundo o treinador, que será apresentado ao novo clube nesta sexta-feira, apenas questões profissionais o fizeram trocar o Atlético-MG pelo Timão.

?Foi uma opção puramente profissional, apostando em um futuro e, quem sabe, pleiteando uma chance na Seleção Brasileira como o Parreira teve agora?, disse.

Mas os cartolas mineiros não perdoam o treinador: ??Foi a maior surpresa que já tive no futebol, foi estarrecedor o que o Geninho fez com a gente?, afirmou o presidente do Conselho Deliberativo, Alexandre Kalil.

Depois que se desligar do clube mineiro, Geninho estará livre para anunciar, nesta sexta-feira, que é o novo técnico do Corinthians. Ele já acertou tudo com os dirigentes do clube paulista (tempo de contrato e salários).

Pesou na decisão de Geninho o fato de que o Corinthians vai disputar a Libertadores neta temporada. O treinador sonha em conquistar esse título e teve uma experiência mal-sucedida em 2002 com o Atlético Paranaense.

REFORÇOS

Geninho revelou que já deu sinal verde para a diretoria corintiana em relação a nomes que lhe foram apresentados. ?Me falaram sobre o Beto (meia, ex-Fluminense) e o Júlio César (goleiro do Flamengo), além da permanência do Vampeta. Aprovei todos esses nomes?, adiantou.

Geninho disse que vai procurar Parreira para obter informações sobre o atual grupo de jogadores. ?Quero ouvir o Parreira e avaliar o grupo antes de falar em indicação de um ou outro reforço?, falou.

Adepto confesso do 3-5-2, o técnico revelou que não pretende implantá-lo no Corinthians agora. ?O Corinthians está habituado a jogar no 4-3-3 e no 4-4-2. Não dá para fazer uma mudança drástica logo no início. Minha idéia é manter um esquema semelhante ao utilizado pelo Parreira?, comentou.

COMISSÃO TÉCNICA

Se depender de Geninho, o Corinthians terá uma comissão técnica ?inchada?. Pelo menos neste início de temporada. O treinador disse que, a princípio, não abre mão de trabalhar com dois profissionais que estavam com ele no Galo: o preparador físico Ridênio Borges e o auxiliar-técnico Ivan Almeida.

?Acho que a saída será acoplar minha comissão técnica com parte da anterior, pelo menos neste início de trabalho?, tentou explicar o treinador, referindo-se ao preparador físico Moracy Sant?Anna e ao auxiliar-técnico Jairo Leal, integrantes da comissão de Parreira que ainda permanecem no Timão.

Moracy e Leal foram chamados por Parreira para integrar também a comissão técnica da Seleção Brasileira e afirmam que podem conciliar os dois empregos.

O vice de futebol Antonio Roque Citadini e a diretoria corintiana fazem questão de manter os dois no clube, principalmente Moracy.

CONFIRMAÇÃO

Em Belo Horizonte, o técnico Geninho anunciou oficialmente o seu acerto com o Corinthians. Ele foi à capital mineira para se desligar do Atlético-MG e confirmou o acerto com o Timão.

"Espero que minha opção seja a mais acertada. Saio do Atlético com o coração apertado, pode até ser que no futuro eu me arrependa, mas tudo na vida são desafios e eu estou partindo para mais um", afirmou, ainda no Aeroporto da Pampulha.

VEJA TAMBÉM

  • As últimas informações sobre o Corinthians
  • Redação Terra