inclusão de arquivo javascript

Futebol

 
 

Reforço do Santos pode vir da Série B

11 de junho de 2003 22h31

São Paulo - O Santos ainda não desistiu da contratação de um atacante. Nesta quarta-feira, o gerente de futebol, Ílton José da Costa, afirmou que o Peixe está avaliando alguns jogadores que se destacam no Campeonato Brasileiro da Segunda Divisão.

"Estamos prestando atenção em alguns jogadores que estão disputando a Série B", confirmou o dirigente.

Até a 8ª rodada, Roberto Santos, do Santa Cruz (PE), é o artilheiro da competição com sete gols, seguido por Dênis (Mogi Mirim-SP), Kuki (Náutico-PE) e Alex Alves da Portuguesa, todos com cinco gols.

Na tentativa de contratar mais um centroavante, o Peixe voltou os olhos ao futebol uruguaio. Depois de perder Sebastian ?El Loco? Abreu para o México, os dirigentes tentaram outro atacante do Nacional de Montevidéu.

Embora o nome não tenha sido revelado, o candidato mais provável seria Gabriel Alves. Mas os valores pedidos pela equipe uruguaia assustaram.

"De empréstimo, pediram para nós US$ 350 mil (cerca de R$ 855 mil). De salário, o atleta pediu US$ 40 mil mensais (R$ 114 mil). Para vender (o atestado liberatório), solicitaram US$ 1,5 milhão (R$ 4,2 milhões)", informou Leão.

RETORNO

Não é o atacante que Leão esperava no Santos, mas Júlio César retornou da Turquia e foi reintegrado ao elenco do Peixe.

Depois de passar quase um ano no Gaziantepspor, o jogador apresentou-se ontem ao treinador santista e manifestou desejo de continuar na Vila. Ele tem contrato por mais três meses.

"Minha vontade é renovar até o final do ano. Estou conversando com o meu procurador sobre isso", afirma o atacante contratado pelo Santos em 2000.

Leão concorda, desde que Júlio César mostre valor. "Só depende dele", disse.

Lancepress!