inclusão de arquivo javascript

Futebol

 
 

Danrlei e André Luís brigam em treino do Atlético

12 de novembro de 2004 21h11

Cerca de 400 torcedores acompanhavam o coletivo do Atlético-MG, que estava bastante movimentado, e com muitos gols. O clima de harmonia durou aproximadamente 30 minutos, até que em uma jogada muito rápida, a atividade ganhou outro rumo e o ambiente mudou: Danrlei e André Luís quase chegaram às vias de fato.

André Luiz recebeu uma entrada, de carrinho, de Danrlei. O defensor, insatisfeito, foi tirar satisfações com o camisa 1. Danrlei, não quis saber de conversa, e arremessou a bola contra o zagueiro. André Luiz, rapidamente, saltou para dar uma voadora no goleiro e a confusão se formou de vez.

Antes que o episódio se transformasse em uma cena mais lamentável, outros atletas chegaram para controlar a situação. E a torcida, que acompanhava o treinamento e vibrava com os gols, automaticamente passou a vaiar a atitude dos brigões e a entoar coros de menosprezo ao time. Sem ambiente para continuar a atividade, o técnico Mário Sérgio apitou e chamou os atletas para uma conversa. O elenco ficou reunido por cerca de cinco minutos, do lado oposto ao que estava a imprensa e a maior concentração de torcedores. E logo ficou definido: o treino estava mesmo encerrado.

Os jogadores deixaram o gramado e seguiram em direção ao ônibus. As entrevistas coletivas com os atleticanos foram canceladas, entre elas, a do goleiro Danrlei, que havia sido escolhido para falar antes do tumulto. Apenas o técnico Mário Sérgio falou com os jornalistas, mesmo assim, rapidamente.

Lancepress!