4 eventos ao vivo

Pancadaria após classificação deixa seis feridos no Fluminense

21 abr 2011
00h55
atualizado às 02h08

Após o apito final e a consolidação da vitória por 4 a 2 do Fluminense sobre o Argentinos Juniors, que assegurou para o time brasileiro um lugar nas oitavas de final da Copa Libertadores, uma batalha campal tomou conta do gramado do estádio Diego Armando Maradona. O resultado prejudicou o clube tricolor e quatro jogadores sofreram escoriações.

O volante Diguinho foi quem teve o maior prejuízo, com um corte na cabeça e um inchaço no olho devido a um golpe sofrido na briga. Já o zagueiro Gum, o meia Conca e o atacante Fred tiveram apenas ferimentos leves.

Outros dois seguranças do clube também acabaram atingidos. Um deles teve sangramentos na cabeça, enquanto o outro teve o olho ferido.

Na saída do vestiário, o técnico Enderson Moreira lamentou o incidente. "Viemos para cá jogar futebol. Isso não cabe mais. Estamos lá com jogadores, seguranças machucados. Nossa integridade física foi ameaçada. Isso nos deixa muito triste", comentou o técnico tricolor.

Nenhum dos feridos, porém, será encaminhado a hospitais de Buenos Aires.

O zagueiro Gum se mostrou um dos mais irritados com a reação dos argentinos
O zagueiro Gum se mostrou um dos mais irritados com a reação dos argentinos
Foto: AFP
Fonte: Lancepress!
publicidade