0

Para evitar Argentina, Brasil quer liderança do Grupo E

2 ago 2011
14h58
atualizado às 15h44

O Brasil quer manter a liderança do Grupo E do Mundial Sub-20 da Colômbia para evitar um confronto antecipado com a Argentina pelas oitavas de final. Na última segunda feira, a Seleção garantiu a sua classificação com uma vitória de 3 a 0 sobre a Áustria.

Na vitória sobre os austríacos, Henrique, Philippe Coutinho e Willian José marcaram os gols do Brasil na partida válida pela segunda rodada da chave, disputada em Barranquilla. No mesmo dia, o Egito também deu um importante passo à segunda fase ao derrotar por 1 a 0 o Panamá.

Às vésperas da última partida do grupo nessa fase, na quinta-feira, os brasileiros lideram o grupo com quatro pontos e saldo positivo de três gols, seguidos pelos egípcios, panamenhos e austríacos.

Após a grande atuação contra os austríacos, que estão a ponto de ser eliminados, o técnico do Brasil, Ney Franco, declarou que, mesmo com a classificação praticamente garantida, a equipe não pode relaxar diante dos panamenhos.

"Dentro dos objetivos está o de sermos os primeiros. Queremos ficar em Barranquilla, onde já estamos acostumados", disse o treinador do Brasil. "Cada vez tentamos jogar com mais força", acrescentou Ney.

Já na outra partida entre Áustria e Egito, o técnico austríaco, Andreas Heraf, disse esperar uma verdadeira final. "Se tivéssemos marcado um gol no Brasil, a situação teria sido diferente, porque passaríamos a jogar no contra-ataque, que é nosso forte".

Entre os egípcios impera o otimismo, diz o técnico Diaa El Sayed, apesar de haver cinco contundidos no time titular: Mohamed El Neny, Mohamed Hamdy, Omar Gaber, Ahmed Hegazi e Ahmed Tawfik.

Caso termine em segundo na fase inicial, os brasileiros devem deixar o calor de Barranquilla e ir a Medellín para jogar contra o primeiro da chave F, liderada pela Argentina, seguida pelo México, Inglaterra e Coreia do Norte.

Philippe Coutinho comemora o segundo gol do Brasil na vitória por 3 a 0 sobre a Áustria
Philippe Coutinho comemora o segundo gol do Brasil na vitória por 3 a 0 sobre a Áustria
Foto: EFE
AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
publicidade