1 evento ao vivo

Para evitar interdição da Arena, Grêmio pede compreensão a torcedores

14 fev 2013
17h40
atualizado às 20h18
  • separator
  • comentários

O setor da Arena do Grêmio destinado à avalanche está interditado para o duelo diante do Huachipato (CHI), o primeiro do Grêmio na fase de grupos da Libertadores. E para evitar novas punições da Conmebol, o Grêmio, através do seu Conselho de Administração, divulgou, na tarde desta quinta-feira, uma carta no site oficial do clube pedindo a colaboração dos tricolores.

<p>Incidente na Avalanche ameaça a Arena do Grêmio</p>
Incidente na Avalanche ameaça a Arena do Grêmio
Foto: AFP

O Grêmio mostrou os termos da decisão do Tribunal de Disciplina da Conmebol, que na última terça-feira puniu o clube com uma multa de US$ 35 mil dólares (R$ 68,8 mil), além de ter pedido a interdição da Geral - o que o próprio clube já havia feito. A queda de parte do alambrado da Geral contra a LDU, no último dia 30, fez o clube interditar o local.

Confira a nota divulgada pelo Grêmio

O Conselho de Administração do Grêmio alerta os torcedores gremistas dos termos da decisão do Tribunal de Disciplina da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) sobre os incidentes ocorridos na partida entre Grêmio e LDU, na Arena do Grêmio:

(...) Este tribunal considera a "avalanche" descrita como um comportamento incorreto ou inapropriado dos espectadores, dado o grande risco que sua realização pode ocasionar para a sua saúde e integridade física. Se ainda bem resultaram com ferimentos leves apenas alguns torcedores, da visualização das imagens da "avalanche" se pode concluir que as lesões ocasionadas poderiam ser de muito maior gravidade ou, inclusive, fatais. Assim mesmo, o número de espectadores feridos poderia ter crescido exponencialmente (...)

(...) Resolve:

1º. Impor ao GRÊMIO FOOT-BALL PORTO ALEGRENSE uma sanção principal de jogar duas partidas como local com portões fechados nos seguintes termos:

a) o alcance da interdição da primeira partida afetará exclusivamente a área do setor norte do seu estádio (1º nível - arquibancada inferior/local destinado à avalanche). Esta medida disciplinar se deverá cumprir na próxima partida da Copa Briedgestone Libertadores 2013, em que o clube sancionado jogue de local.

b) a interdição da segunda partida afetará a totalidade do estádio. Esta medida disciplinar fica suspensa por um período de prova de dois (2) anos. Se durante o transcurso do mesmo, se voltarem a produzir incidentes de natureza similar, a medida adotada será imediatamente executada sem prejuízos das sanções pela nova infração (Art. 25 do RD).

2º. Impor ao GRÊMIO FOOT-BALL PORTO ALEGRENSE uma multa como sanção acessória de 35.000 USD. (...)

Pelo exposto acima, pedimos à nação tricolor a colaboração e a compreensão para que novos episódios da mesma natureza sejam evitados.

Faça sua torcida e empreste seu entusismo para que possamos atingir nosso objetivo maior: o tricampeonato da Libertadores, se possível, dentro da nossa nova casa, a ARENA.

O IMORTAL TRICOLOR conta com VOCÊ!

Porto Alegre, 14 de fevereiro de 2013.

Conselho de Administração do Grêmio

Fonte: Lancepress! Lancepress!
  • separator
  • comentários
publicidade