PUBLICIDADE

Podendo igualar recorde histórico, Enrique não crê em título garantido

27 fev 2016 16h32
ver comentários
Publicidade

Depois de igualar os feitos de Pep Guardiola no Barcelona ao conquistar uma tríplice coroa logo em sua primeira temporada como treinador da equipe principal, Luis Enrique tem a chance de chegar a mais um feito histórico à frente do clube catalão. Apesar da sequência invicta desde outubro de 2015, o técnico prefere não calcular, ainda, as chances de título do Barça.

A última derrota da equipe, inclusive, aconteceu contra o Sevilla – adversário deste domingo, em jogo marcado para o Camp Nou. Se chegar a 34ª vitória consecutiva, Luis Enrique vai conseguir igualar a marca de Leo Beenhakker, que alcançou 34 vitórias com o Real Madrid na temporada 1988-1989.

“Fomos melhores que eles no primeiro turno, mas o futebol é assim, porque as vezes fomos inferiores ao rival e não perdemos. Mas não mudamos nada desde aquela partida, nem sequer falamos de contratações. Temos que ser precavidos. O que nos trouxe até aqui é o fato de pensarmos que no próximo jogo há sempre algo que em que podemos melhorar”, falou.

Apesar do próprio Zinedine Zidane, técnico do Real Madrid, já ter jogado a toalha após perder do Atlético de Madri, neste sábado, admitindo que os nove pontos de vantagem do Barça já o coloca numa posição muito favorável em termos de corrida pelo título, Luis Enrique acredita que ainda não é a hora certa para fazer contas.

“Temos que competir até que um dia haja uma equipe campeã. Não vamos mudar uma postura que nos traz resultados. Sempre nos apegamos a objetivos próximos, como o jogo contra o Sevilla, porque é uma equipe que propõe o jogo e cresceu muito desde a última vez que nos encontrarmos”, ponderou o treinador.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade