2 eventos ao vivo

Real e Borussia voltam a se enfrentar de olho na final da 'Champions'

23 abr 2013
15h19
atualizado às 15h36

O Borussia Dortmund e o Real Madrid, que se enfrentaram no início da temporada na fase de grupos da Liga dos Campeões, fazem novo duelo nesta quarta-feira na Alemanha, na partida de ida das semifinais da competição.

Apesar do favoritismo dos espanhóis, que buscam seu décimo título na 'Champions', os alemães já mostraram que têm o potencial para causar problemas a Cristiano Ronaldo e companhia.

Na fase de grupos, o Borussia, único time invicto da competição, derrotou o Real por 2 a 1 em Dortmund e empatou em 2 a 2 no estádio Santiago Bernabéu.

No entanto, a serenidade do clube alemão foi abalada na manhã desta terça-feira com o anúncio da saída em julho de um dos seus principais jogadores, o jovem meia Mario Götze, que para piorar reforçará o maior rival, o Bayern de Munique.

"Poderia ser pior, poderiam ter anunciado isso quatro horas antes do nosso jogo", ironizou o técnico do Borussia, Jurgen Klopp.

Mesmo assim, o treinador assegurou que seus jogadores "estão prontos para encarar o Real e vão dar tudo de si". Vice-líder da Bundesliga a vinte pontos do Bayern, que já está com o título em mãos há duas semanas, o time de Dortmund está 100% focado na competição continental.

No último sábado, jogou com praticamente todos titulares para garantir a classificação direta para a 'Champions' na próxima temporada e venceu o Maiz com certa facilidade por 2 a 0.

Klopp pode contar com o faro de gol do seu artilheiro, o polonês Robert Lewandowski, que soma 23 gols na Bundesliga, seis na Liga dos Campeões, e balançou as redes nas últimas 12 partidas que disputou.

O Borussia espera levar vantagem em casa antes do jogo de volta, marcado para o dia 30 de abril no Santiago Bernabéu.

Já o Real precisará acabar com uma escrita que incomoda: venceu apenas um das 24 partidas que disputou na Alemanha.

"Eles gostam de atacar e têm transição muito rápido da defesa para o ataque. Temos um estilo de jogo semelhante, por isso acredito que teremos um duelo muito parelho", comentou o jovem zagueiro francês Raphael Varane, que deve ser titular na zaga do Real.

Na coletiva de imprensa realizada nesta terça-feira, o técnico José Mourinho surpreendeu a todos ao divulgar logo a escalação da sua equipe.

"Diego Lopez, Sergio Ramos, Varane, Pepe, Coentrão, Khedira, Xabi Alonso, Mesut (Özil), Higuain, Cristiano (Ronaldo) e esperamos poder contar com Di Maria", anunciou o treinador, colocando em dúvida a participação do meia argentino.

"Di Maria acabou de ter uma filha, viveu muitas emoções e não sabemos se estará apto para jogar", completou Mourinho.

Na semana passada, o argentino fez questão de lembrar que o time da capital espanhola evoluiu muito desde o duplo confronto da fase de grupos.

"Quando disputamos as duas primeira partidas, não estávamos atravessando o nosso melhor momento. Isso mudou, agora, nossa defesa é mais compacta e ganhamos confiança", explicou o jogador.

No entanto, o Real terá um desfalque importante, o lateral brasileiro Marcelo, que sofreu uma lesão muscular no último sábado no primeiro tempo da vitória por 3 a 1 sobre o Betis. O croata Luka Modric também se machucou e é dúvida para a partida.

No setor ofensivo, porém, o time pode contar com a grande fase de Cristiano Ronalo, artilheiro da competição com 11 gols marcados, e do meia alemão Mesut Ozil, que no sábado deixou de lado a função de 'garçom' para balançar as redes duas vezes diante do Betis.

Borussia Dortmund: Weidenfeller - Piszczek, Subotic, Hummels, Schmelzer - Gündogan (ou Kehl), Bender (ou Sahin) - Blaszczykowski, Götze, Reus - Lewandowski

Real Madrid: Diego Lopez - Ramos, Varane, Pepe, Coentrao - Xabi Alonso, Khedira - Di Maria, Özil, Ronaldo - Higuain

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
publicidade