1 evento ao vivo

Rogério Ceni renova com o São Paulo e adia aposentadoria em 1 ano

7 dez 2013
15h20
atualizado às 15h22

O goleiro Rogério Ceni, de 40 anos, aceitou a oferta do São Paulo para renovar contrato por um ano e com isso adiou sua aposentadoria para dezembro de 2014, de acordo com informações divulgadas pelo clube paulista neste sábado.

Ceni havia anunciado a intenção de se despedir dos gramados neste domingo, na partida contra o Coritiba, pela última rodada do Campeonato Brasileiro, mas decidiu continuar em atividade após se reunir com o presidente do Tricolor, Juvenal Juvêncio.

"O que a torcida, os dirigentes são-paulinos, o técnico Muricy Ramalho e os atletas do elenco tricolor esperavam ocorreu. Rogério Ceni assinou um novo contrato e defenderá o São Paulo pelo 24º ano seguido. A renovação foi definida em encontro realizado na manhã deste sábado entre o presidente Juvenal Juvêncio e o atleta no CT da Barra Funda", informou o São Paulo em comunicado em seu site.

Após a renovação, Ceni destacou que o principal motivo para ter aceitado a proposta foi a confiança depositada nele por todos no clube.

"O que mais me motivou a renovar o contrato, primeiro, é a oportunidade de continuar aqui no São Paulo, minha segunda casa. Eu adoro isso aqui, é praticamente a minha vida. Mas também pela insistência do clube, do presidente Juvenal Juvêncio que vem sendo tão incisivo comigo para que eu continue, assim como as declarações do Muricy pedindo a minha permanência, porque é muito bom trabalhar com a confiança de quem comanda o clube", afirmou o camisa 1.

Ceni terá a chance de se despedir em um ano melhor que o de 2013, no qual o Tricolor ficou sem títulos. A equipe caiu nas oitavas de final da Taça Libertadores, nas semifinais do Campeonato Paulista e da Copa Sul-Americana não conseguirá terminar o Brasileirão além do nono lugar.

EFE   
publicidade