0

Seleção Brasileira tenta quebrar tabu de gols contra a Coreia do Sul

11 out 2013
18h39
atualizado às 18h44

Adversária da Seleção Brasileira no amistoso deste sábado, a Coreia do Sul tem pouca história de confrontos com o Brasil. Até hoje, os dois países se enfrentaram apenas quatro vezes, sendo todas em amistosos realizados no país asiático. O mais curioso é que nunca o ganhador conseguiu superar o rival por diferença superior a um gol. Do total de quatro jogos, foram três vitórias canarinhas e uma dos coreanos, que marcaram quatro gols e sofreram seis.

O primeiro duelo ocorreu em agosto de 1995, e os canarinhos ganharam por 1 a 0, com tento anotado pelo então capitão Dunga. O técnico era Zagallo. Dois anos depois, ainda sob o comando do Velho Lobo, o Brasil fez 2 a 1, com gols de Ronaldo e Sonny Anderson.

A única derrota do Brasil na história do duelo aconteceu em 1999, quando os sul-coreanos ganharam por 1 a 0. A Seleção Brasileira estava sendo dirigida por Vanderlei Luxemburgo, que não chegaria ao Mundial seguinte.O último encontro foi realizado em novembro de 2002, poucos meses depois da conquista do pentacampeonato mundial. Sob o comando de Carlos Alberto Parreira, o Brasil venceu por 3 a 2, com gols de Ronaldo (2) e Ronaldinho Gaúcho.

Nas Olimpíadas de Londres, em 2012, o Brasil fugiu à regra e fez 3 a 0 sobre a Coreia do Sul. Na ocasião, contudo, os países estavam com a suas seleções olímpicas.

Confira a ficha técnica da vitória brasileira antes do penta:

FICHA TÉCNICA
COREIA DO SUL 2 X 3 BRASIL

Local: Estádio Sang-am, em Seul (Coréia do Sul)
Data: 20 de novembro de 2002, quarta-feira
Árbitro: Lu Jun (China)
Cartões amarelos: Lúcio (Brasil)
Gols: COREIA DO SUL: Seoul, aos 7 minutos do primeiro tempo, e Ahn, aos 13 minutos do segundo tempo; BRASIL: Ronaldo, aos 16 minutos do primeiro tempo; Ronaldo, aos 22, e Ronaldinho Gaúcho, aos 48 minutos do segundo tempo

COREIA DO SUL: Lee Woon-Jae (B.J. Kim), Choi Jin-Cheul, Kim Tae Young e Hong Myung-Bo (D. E. Kim); Lee Min-sung (D. H. Kim), Lee Young-Pyo, Kim Nam-Il, Kim Hwan-Seoul (Cha) e Song Chong-Guk (Choi); Seol Ki-Hyeon (Hwang) e Ahn Jung-hwan (Y.S. Choi)
Técnico: Kim Ho-Kon

BRASIL: Dida, Cafu (Belletti), Lúcio, Edmílson e Roberto Carlos; Gilberto Silva, Kléberson, Zé Roberto e Ronaldinho Gaúcho; Amoroso e Ronaldo
Técnico: Carlos Alberto Parreira

Veja o histórico de confrontos entre Brasil e Coreia do Sul:

12/8/1995 - Suwon - Coréia do Sul 0 x 1 Brasil - Amistoso
10/8/1997 - Seul - Coréia do Sul 1 x 2 Brasil - Amistoso
28/3/1999 - Seul - Coréia do Sul 1 x 0 Brasil - Amistoso
20/11/2002 - Seul - Coréia do Sul 2 x 3 Brasil - Amistoso

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade