1 evento ao vivo

Sem Higuaín, Napoli aposta últimas fichas contra a Inter na luta por Scudetto

15 abr 2016
13h57
  • separator
  • 0
  • comentários

Desfalcado do artilheiro do campeonato, Gonzalo Higuaín, que cumprirá o segundo de três jogos de suspensão, o Napoli terá a dura missão de enfrentar o Napoli no estádio de San Siro neste sábado e precisa vencer para continuar sonhando com a conquista do título italiano.

O time dirigido por Maurizio Sarri ocupa o segundo lugar da competição, com 70 pontos, seis a menos que a líder Juventus, que no domingo enfrentará o Palermo em Turim. A Inter, por sua vez, é quarta, com 58, e também quer tirar uma diferença de seis pontos, mas para a Roma, para ir à próxima Liga dos Campeões.

Há duas partidas, na derrota para a Udinese por 3 a 1, Higuaín foi expulso e empurrou o árbitro, o que lhe rendeu um duro gancho de quatro jogos, depois reduzido para três. 'Pipita' então será o único desfalque de Sarri, que novamente apostará em Gabbiadini como substituto.

Na Inter, Roberto Mancini terá as principais peças à disposição. Quanto à baixa de Higuaín, o técnico sabe da importância do artilheiro do campeonato, mas nem por isso espera ter vida fácil no San Siro.

"A ausência de Higuaín não muda nosso plano de jogo, até porque Gabbiadini é um bom jogador, e o Napoli é uma ótima equipe", comentou Mancini, que não jogou a toalha quanto à disputa com a Roma.

"Creio que as nossas chances de ficar com o terceiro lugar não são muito grandes, mas ainda restam 18 pontos em disputa e temos que nos esforçar ao máximo. Temos de manter o pensamento positivo", afirmou.

Embalada com 21 vitórias nos 22 últimos jogos pelo Italiano, a líder Juve enfrentará o Palermo, que abre a zona de rebaixamento por levar a pior no confronto direto com o Carpi, adversário imediatamente à frente na tabela.

O treinador da 'Velha Senhora', Massimiliano Allegri, tem problemas na zaga, setor em que não pode contar com Chiellini nem Cáceres, e no ataque, com o desfalque de Zaza. Dessa forma, a dupla de frente provavelmente terá Dybala e Mandzukic, com Morata no banco.

Outra que vem embalada é a Roma, que não perde há 11 rodadas e visitará a Atalanta no domingo, também com força máxima. Na contramão, a Fiorentina, quinta colocada, vem em uma sequência de seis jogos sem vencer, mas ainda sonha alcançar os 'Giallorossi' para ir à 'Champions'. Para isso, será fundamental derrotar o Sassuolo em Florença no domingo.

Programação da 33ª rodada do Campeonato Italiano:.

Sábado.

Bologna - Torino.

Carpi - Genoa.

Inter de Milão - Napoli.

Domingo.

Atalanta - Roma.

Fiorentina - Sassuolo.

Juventus - Palermo.

Udinese - Chievo.

Verona - Frosinone.

Lazio - Empoli.

Sampdoria - Milan.

EFE   
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade