3 eventos ao vivo

Sem opções, Chile terá Valdivia como centroavante contra a Venezuela

6 set 2013
17h38

Pela primeira vez em cerca de dois anos, Valdivia jogará pela seleção chilena. Mas, o retorno do "Mago" terá uma cara diferente. Isso porque o meia, acostumado a servir os atacantes do Palmeiras, será improvisado e jogará como centroavante diante da Venezuela, nesta sexta-feira, em jogo válido pela 15ª rodada das Eliminatórias Sul-americanas para a Copa de 2014. O jogo acontece às 21h30 (horário de Brasília), em Santiago.

A improvisação de Valdivia acontece por uma necessidade do técnico Jorge Sampaoli, que teve diversos desfalques para a partida. Humberto Suazo, único jogador natural da posição entre os 23 convocados, se machucou logo no primeiro treino com a seleção e não poderá atuar. Maurício Pinilla e Esteban Paredes, outras opções do técnico em convocações anteriores, não foram chamados para este confronto por problemas com o próprio Sampaoli.

Dessa forma, o camisa 10 do Verdão foi escolhido pelo treinador para fazer a função de "falso centroavante" no trio de ataque do time, completado por Alexis Sánchez, do Barcelona, e Eduardo Vargas, do Grêmio.

Eugenio Mena e Marcos González, outros que atuam no futebol brasileiro, mais precisamente em Santos e Flamengo, respectivamente, também estão confirmados entre os titulares diante da Vinotinto.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade