2 eventos ao vivo

Suárez vai para o Barcelona e diz que deixa o Liverpool "com peso no coração"

11 jul 2014
09h44
atualizado às 09h48

O Barcelona fechou um acordo para comprar o atacante uruguaio Luis Suárez do Liverpool, informaram ambos os clubes nesta sexta-feira.

Jogador do Liverpool Luiz Suárez comemora ao marcar um gol durante partida contra o Manchester United pelo Campeonato Inglês, no estádio Old Trafford, em Manchester, norte da Inglaterra. 16/03/2014.
Jogador do Liverpool Luiz Suárez comemora ao marcar um gol durante partida contra o Manchester United pelo Campeonato Inglês, no estádio Old Trafford, em Manchester, norte da Inglaterra. 16/03/2014.
Foto: Phil Noble / Reuters

"O jogador vai viajar para Barcelona na próxima semana para uma avaliação médica, a assinatura de um contrato pelas próximas cinco temporadas e para ser apresentado como jogador do FC Barcelona", disse o time espanhol em comunicado.

Suárez foi expulso da Copa do Mundo no Brasil no mês passado e recebeu uma suspensão de nove partidas pelo Uruguai, além de ter sido banido de qualquer atividade relacionada ao futebol por quatro meses, por ter mordido o zagueiro italiano Giorgio Chiellini durante uma partida do Mundial.

Após negar a mordida por alguns dias, o jogador de 27 anos acabou emitindo um comunicado cuidadosamente redigido no qual admitiu a ofensa, a terceira vez em que ele mordeu um adversário durante uma partida, e prometeu que isso não iria se repetir.

Suárez, que teve passagens pelo clubes holandeses Groningen e Ajax Amsterdã, marcou 31 gols pelo Liverpool na última temporada, e o acordo por sua transferência ocorre um dia depois de o Barça concordar em vender o atacante chileno Alexis Sánchez ao clube inglês Arsenal.

O uruguaio disse que deixa o Liverpool "com um peso no coração", mas que se mudar para a Espanha era "um sonho e uma ambição da vida inteira".

"Tanto eu como minha família nos apaixonamos pelo clube e a cidade", disse ele em uma mensagem para os torcedores do clube inglês publicada no site do Liverpool.

"Esse clube fez tudo que podia para me fazer ficar, mas jogar e viver na Espanha, onde mora a família da minha mulher, é um sonho e uma ambição da vida inteira. Creio que agora é a hora certa", afirmou Suárez.

"Desejo tudo de bom a (o técnico) Brendan Rodgers e ao time no futuro. O clube está em ótimas mãos e tenho certeza de que vai ser novamente bem-sucedido na próxima temporada", acrescentou.

"Eu estou muito orgulhoso de ter feito a minha parte em ajudar a trazer o Liverpool de volta à elite do Campeonato Inglês e, em particular, de volta à Liga dos Campeões", disse.

"Obrigado novamente pelo ótimos momento e memórias. Vocês nunca caminharão sozinhos", acrescentou, fazendo uma referência ao hino do clube inglês.

(Texto de Iain Rogers)

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
publicidade