0

Torcida do Atlético-MG faz faixa de apoio ao volante Tinga, do Cruzeiro

16 fev 2014
15h38
atualizado às 16h05
  • separator

Cinco organizadas do Atlético-MG – Torcida Fúria, Camisa 13, Movimento 105 Minutos, Esquadrão Atleticano e Atleticanos de Cristo – se sensibilizaram com o episódio de racismo envolvendo os torcedores do Real Garcilaso (PER) e o volante Tinga, do Cruzeiro. Antes do clássico deste domingo, alguns atleticanos levantaram um cartaz manifestando o apoio ao jogador.

A faixa para o atleta adversário continha a seguinte frase: ‘No Galo, o preto e o branco sempre andaram juntos’. Ainda existia outra sentença no cartaz: ‘Diga não ao racismo’. Às vésperas do principal embate de Minas Gerais, algumas torcidas alvinegras se mobilizaram para apoiar o meio-campista rival.

No decorrer da semana, uma parcela de alvinegros cogitou gritar o nome de Tinga em demonstração de solidariedade. Outra parte, no entanto, divulgou uma nota dizendo que não entoaria cânticos em prol do episódio que envolveu o atleta.

“Os Embaixadores do Galo vêm a público informar que não prestarão qualquer manifestação em prol do jogador adversário durante a partida no domingo, já que a história do Clube Atlético Mineiro, assim como de sua torcida, sempre primou pela luta contra o racismo e a igualdade dos povos. A torcida atleticana não precisa média com jogador adversário, embora seja contra qualquer tipo de preconceito. Aqui, o preto e o branco caminham juntos desde 1908”.

Fonte: Lancepress! Lancepress!
publicidade