0

"Varane é o futuro da seleção francesa", afirma o técnico Didier Deschamps

13 mar 2013
16h04
atualizado às 16h11

O técnico da seleção francesa, Didier Deschamps, elogiou nesta quarta-feira o zagueiro Raphael Varane, do Real Madrid, e antecipou que ele será convocado para a disputa dos jogos contra Geórgia e Espanha, pelas Eliminatórias europeias para a Copa do Mundo de 2014.

"Varane é o futuro da seleção. Veremos se amanhã, dentro de seis meses ou dentro de um ano", garantiu o comandante 'blue' em entrevista à rádio "RMC".

Deschamps destacou a "maturidade fora do comum" do jovem de 19 anos, mas lembrou que ele ainda não estreou pela seleção. "Ele jogou três jogos consecutivos muito importantes (dois contra o Barcelona e um contra o Manchester United). No início da temporada jogava pouco, esse ano jogou mais e agora é titular no Real Madrid. Aos 19 anos isso não é muito comum, então diz muito de sua qualidade", afirmou o comandante da seleção francesa.

O técnico francês anunciará amanhã a lista de convocados para os jogos do dia 22, contra a Géorgia, e contra a Espanha, dia 26.

Deschamps lembrou que já convocou Varane em outubro de 2012, apesar de não colocá-lo em campo, e que voltou a chamá-lo para o amistoso contra a Alemanha "com a ideia de dar minutos a ele", mas que o zagueiro se machucou antes do confronto.

O comandante da França também falou sobre o atacante Karim Benzema, também do Real Madrid, que passa por um jejum de 839 minutos sem fazer gol. "Não acho que ninguém pense que Benzema não tem a qualidade suficiente para jogar na seleção. É inconcebível. Podemos falar de seu jejum. Ele precisa quebrá-lo para readquirir confiança, mas a França necessita de Benzema", disse.

EFE   
publicidade