2 eventos ao vivo

Verdão pega a perigosa Ponte em Campinas de olho na Libertadores

5 abr 2013
17h43

Antes de entrar em campo pela Libertadores na quinta-feira, quando recebe o Libertad (PAR), o Palmeiras tenta voltar suas atenções para o Paulista Chevrolet. Neste domingo, às 16h, a equipe vai enfrentar a perigosa Ponte Preta, única invicta na competição, no estádio Moisés Lucarelli, com um time misto, mas tentando garantir sua vaga nas quartas de final do Estadual. Para isto, é necessário apenas voltar de Campinas (SP) com uma vitória, feito que não tem sido recorrente para o Verdão.

Nos últimos cinco jogos na cidade, foram quatro derrotas e apenas um empate. Com 28 pontos ganhos, o time chegando a 31 não pode mais ser ultrapassado pelo Bragantino, atual nono colocado - o primeiro fora do grupo dos que avançam. Para conseguir o resultado, porém, Kleina precisará trabalhar com uma situação recorrente na temporada: os desfalques.

Os zagueiros Henrique e Leandro Amaro, o volante Wesley, os meias Patrick Vieira, Valdivia e Edilson e os atacantes Kleber e Maikon Leite estão machucados, enquanto o volante Léo Gago está suspenso. Para não perder ninguém visando a partida com os paraguaios no meio de semana, que pode dar ao Verdão a liderança do Grupo 2 na Libertadores, o treinador avisou que irá poupar parte de seus atuais titulares para o jogo com a Macaca.

Leandro, artilheiro da equipe na temporada com cinco gols marcados, viaja para jogar com a Seleção Brasileira o amistoso deste sábado contra a Bolívia. Sua utilização na partida contra a Ponte dependerá de sua situação física ao voltar para o Brasil. Caso ele não tenha condições, Vinícius, que se destacou na vitória sobre o Tigre (ARG) por 2 a 0, deve ser o escolhido.

Na Ponte Preta, após ter poupado os titulares na partida da última quinta-feira, pela Copa do Brasil, o técnico Guto Ferreira terá força máxima para encarar o Palmeiras e defender a invencibilidade no Paulistão. A Macaca tem também a melhor defesa da competição, com apenas 11 gols sofridos, e ainda conta com o artilheiro isolado: William, com 11 gols marcados.

Matematicamente classificada para as oitavas de final, o objetivo do clube agora é garantir as primeiras posições para ter vantagem de decidir em casa nas próximas fases.

Enquanto os reservas viajaram para Itabaiana, no interior do Sergipe, onde venceram a equipe local, por 3 a 0, os titulares permaneceram treinando durante a semana em Campinas. As novidades são os retornos do goleiro Edson Bastos, que cumpriu suspensão no último jogo, e o lateral-esquerdo Uendel, recuperado de dores no púbis após desfalcar o time em quatro jogos.

No Moisés Lucarelli, palco da partida de domingo, a Ponte não perde há quase oito meses: desde o dia 15 de agosto do ano passado, quando foi derrotada pelo Bahia, por 2 a 1.

- Todo time quer tirar a nossa invencibilidade. Estamos enfrentando uma dificuldade muito grande na marcação e acredito que temos que estar cada vez mais atentos para não sermos surpreendidos dentro de casa - declarou Cicinho, um dos destaques da equipe.

FICHA TÉCNICA

PONTE PRETA X PALMEIRAS

Local: estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)

Data/Horário: 07 de abril de 2013 – 16h

Árbitro: Luiz Vanderlei Martinucho

Assistentes: Rogerio Pablos Zanardo e João Edilson de Andrade

Ponte Preta: Edson Bastos, Artur, Cleber, Ferron e Uendel; Baraka, Bruno Silva, Cicinho e Ramirez; William e Chiquinho. Técnico: Guto Ferreira

Palmeiras: Bruno; Weldinho, André Luiz, Vilson e Juninho; Wendel, João Denoni, Souza, Tiago Real e Ronny; Leandro (Vinícius). Técnico: Gilson Kleina

Fonte: Lancepress! Lancepress!
publicidade