0

"Elemento-surpresa", paraguaio festeja fase de artilheiro no Grêmio

4 out 2013
07h44
atualizado às 07h44
  • separator
  • comentários

Autor do gol que deu a vitória gremista diante do Atlético-PR, por 1 a 0, na última quarta-feira, o volante Cristian Riveros está cada vez mais se consolidando como um dos principais jogadores do meio-campo tricolor.

<p>Riveros vem surpreendendo na equipe do Grêmio ao ser um volante que aparece com frequência no setor ofensivo</p>
Riveros vem surpreendendo na equipe do Grêmio ao ser um volante que aparece com frequência no setor ofensivo
Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA / Divulgação

Independente da formação que o técnico Renato Gaúcho utilize, se o 3-5-2 ou o 4-3-3, o paraguaio vem dando consistência na marcação e aparecendo como elemento-surpresa no ataque. O gol marcado diante dos paranaenses foi o terceiro do volante gremista em 16 jogos disputados. Após o jogo diante do time paranaense, Riveros atendeu a reportagem do Terra para falar da boa fase do time gremista e do seu momento goleador.

Terra - Três gols em 16 jogos, você estreou pelo Grêmio já marcando contra o Fluminense, depois contra o Bahia, em Salvador. Ambos de cabeça. E, agora diante do Atético-PR, você marcou um com uma cavadinha. Este é o teu lado artilheiro?

Grêmio bate Atlético-PR em jogo de três expulsões
Riveros - (risos) São as circunstâncias de jogo, quando aparece uma oportunidade tenho que tratar de fazer e foi assim que eu fiz quando apareceram as oportunidades. Diante do Atlético-PR acabei marcando e graças a Deus (foi) o gol que deu a vitória, que foi muito importante porque vencemos um concorrente direto no G-4.

Terra - Você foi convocado para os dois últimos jogos do Paraguai nas Eliminatórias e vai desfalcar o Grêmio em três jogos, contra Criciúma, Corinthians e Fluminense, mas o Paraguai não tem mais chance de classificação. Você vai pedir para ser liberado da seleção?
Riveros - A diretoria já pediu a liberação e estamos esperando a resposta, vamos aguardar até sexta para ver se o Grêmio consegue. É difícil ficar de fora agora neste momento do Brasileiro, estamos em um momento importante. Mas é difícil também ficar de fora da seleção, eu sempre quero estar na seleção. A gente está fora da Copa do Mundo e é preciso dar a cara para bater quando as coisas estão mal, vamos ver o que irão responder.

<p>Paraguaio foi o responsável por marcar o gol da vitória gremista sobre o Atlético-PR</p>
Paraguaio foi o responsável por marcar o gol da vitória gremista sobre o Atlético-PR
Foto: Itamar Aguiar/Grêmio FBPA / Divulgação
Terra - Você, independente do esquema utilizado, começa como volante, mas com frequência aparece no ataque, quase como um meia. Como funciona este revezamento com os demais jogadores do meio campo?
Riveros - Eu começo como volante ao lado do Souza, procurando dar equilíbrio ao time, mas o Renato sempre fala que quando aparece a chance de subir para o ataque a gente tem que fazer e outro jogador fica na marcação, dando cobertura e contra o Atlético-PR foi assim, a gente fez o gol e criamos outras chances de marcar. Eu gosto de subir e chegar como elemento surpresa no ataque.

Terra - Este posicionamento montado pelo Renato Gaúcho te dá bastante liberdade...
Riveros - Eu gosto desta posição, da maneira como estamos jogando, eu gosto de chegar ao ataque quando se tem chance, como elemento surpresa. Nesta posição eu me sinto bastante cômodo, com dois volantes centrais ao lado do Souza e jogo após jogo eu me sinto mais à vontade, adaptado ao futebol brasileiro e ao estilo do Grêmio.

 

Fonte: Cristiano Leonardo S. da Silva Jornalismo - Especial para o Terra Cristiano Leonardo S. da Silva Jornalismo - Especial para o Terra
  • separator
  • comentários
publicidade