2 eventos ao vivo

Invicto, Grêmio vence Coritiba e lidera o Brasileirão

O Grêmio fez bonito diante de sua torcida neste domingo. Venceu o Coritiba por 2 a 0, chegou a 10 pontos e lidera o Campeonato Brasileiro, à frente do Internacional, pelo saldo de gols. Nos primeiros minutos, o Grêmio mostrava dificuldades em chegar perto da área, uma vez que o Coritiba se posicionava com as […]

29 mai 2016
20h42
  • separator
  • 0
  • comentários

O Grêmio fez bonito diante de sua torcida neste domingo. Venceu o Coritiba por 2 a 0, chegou a 10 pontos e lidera o Campeonato Brasileiro, à frente do Internacional, pelo saldo de gols.

Nos primeiros minutos, o Grêmio mostrava dificuldades em chegar perto da área, uma vez que o Coritiba se posicionava com as linhas bem atrasadas e buscava os contra-ataques pelas laterais, nas costas dos defensores Marcelo Hermes e Edílson. A primeira finalização foi de Leandro, para o Coritiba, logo aos 20 segundos. Aos 2 minutos, Sandro Meira Ricci interrompeu o jogo devido ao pó branco que a torcida do Grêmio usa para recepcionar os jogadores, que atrapalhava a visão do goleiro Wilson.

Aos 17 minutos, Ceará sofreu uma lesão muscular e foi substituído pelo jovem Dodô, de 17 anos. Aos 27 minutos, o Coritiba teve uma boa chance: Carlinhos cruzou para dentro da área e Marcelo Hermes impediu Alan Santos de finalizar quase embaixo das traves. Minutos depois, César González recebeu uma bola livre e encobriu Grohe, mas estava impedido.

O Grêmio reagiu rápido: Maicon fez boa jogada pela esquerda e cruzou para Éverton, que finalizou de primeira, forte, para fora. Aos 31, Walace chutou de fora da área, alto, por cima do gol.

Na sequência o Grêmio conseguiu o seu gol: Maicon lançou Marcelo Hermes pela ponta esquerda, que cruzou para a área. Éverton se antecipou a Carlinhos e finalizou sem chances para Wilson: 1 a 0. O gol desnorteou o Coritiba, que não conseguiu ser perigoso nos minutos finais.

O segundo tempo começou com o Coritiba tentando manter a posse de bola, enquanto o Imortal era mais agudo nos ataques. Em um cruzamento, Giuliano quase conseguiu o segundo gol, obrigando Wilson a fazer uma boa defesa. O Coritiba, por sua vez, nos minutos iniciais, só conseguia chutes de fora da área, com Kléber e Alan Santos.

Éverton fez grande jogada pelo lado direito, deu uma meia-lua em Juninho, avançou para a área e foi derrubado pelo próprio Juninho: pênalti. Luan cobrou rasteiro, no canto esquerdo, sem chances para Wilson: 2 a 0. O Grêmio seguiu no ataque. Aos 25 minutos, Luan lançou Douglas de frente para o goleiro, mas ele não finalizou e perdeu o ângulo. Depois, tocou para Edílson, que cruzou para Luan cabecear para fora.

A melhor chance do Coritiba no segundo tempo veio quase no final de jogo: João Paulo cobrou uma falta com muita força e acertou a trave de Marcelo Grohe. O Coritiba parecia detonado fisicamente, apesar de ter um dia a mais de folga em relação ao Grêmio – não conseguia construir nada no ataque.

A próxima partida do Grêmio será contra o Palmeiras, no Pacaembu, na quinta-feira (2) às 21h. O Coritiba recebe a Chapecoense na quarta-feira (1), às 21h.

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO 2 X 0 CORITIBA

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)

Horário: 18h30 (de Brasília)

Público: 12.415 pessoas (10.825 pagantes)

Renda: R$ 303.644,00

Árbitro: Sandro Meira Ricci (SC)

Assistentes: Bruno Raphael Pires (GO) e Naílton Júnior de Oliveira (CE)

Gols: Éverton (Grêmio) aos 39 minutos do 1º tempo; Luan (Grêmio) aos 21 minutos do 2º tempo

Amarelos: Kléber, Rafael Marques (Coritiba)

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Edílson, Geromel, Bressan e Marcelo Hermes; Walace, Maicon (Edinho), Giuliano, Douglas (Lincoln) e Éverton (Pedro Rocha); Luan. Técnico: Roger Machado

CORITIBA: Wilson; Ceará (Dodô), Rafael Marques, Juninho e Carlinhos; Alan Santos (Thiago Lopes) João Paulo, César González (Negueba) e Juan; Leandro e Kléber. Técnico: Gílson Kleina.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade