1 evento ao vivo

Desesperado, meia do Guarani revela torcida contra rivais

19 mar 2013
13h41
atualizado às 13h44
  • separator
  • 0
  • comentários

O Guarani não vem conseguindo fazer sua parte no Campeonato Paulista e por isso o que resta ao time é torcer por tropeços dos concorrentes diretos na luta contra o rebaixamento. Um dos jogadores mais experientes do elenco, o meia Thiago Gentil revelou que no último domingo ficou "secando" os adversários para que a situação do clube não ficasse ainda mais complicada.

Bombeiros foram acionados para afastar abelhas do gramado do Moisés Lucarelli antes de jogo entre Ponte Preta e Oeste
Bombeiros foram acionados para afastar abelhas do gramado do Moisés Lucarelli antes de jogo entre Ponte Preta e Oeste
Foto: Fernanda Sunega / Futura Press

Apesar da derrota para o Santos, por 2 a 1, na Vila Belmiro, o Guarani continuou com um ponto de diferença para o XV de Piracicaba, primeiro fora da zona de rebaixamento. Além deles, estão na briga São Caetano, União Barbarense, Atlético Sorocaba e Mirassol. Os quatro não venceram seus jogos no último final de semana.

"Estou sempre olhando a tabela, fazendo contas, vendo o que é melhor para minha equipe. Agora é uma briga direta com os que estão lá embaixo, independente de quais sejam os times temos que torcer contra os que estão ali para não somarem pontos. Estava torcendo contra eles e foi isso que aconteceu. As coisas estão ruins, mas ainda temos como sair", afirmou Thiago Gentil.

E a vida do Guarani, teoricamente, é a mais fácil na 13ª rodada, que será realizada entre quarta e quinta-feira. O time recebe Paulista, no Brinco de Ouro da Princesa, enquanto quase todos os seus outros concorrentes terão pela frente adversários que estão na parte superior da tabela. Para essa partida, o técnico Branco estuda colocar o volante Coutinho no lugar do experiente Ademir Sopa, que falhou nos dois gols contra o Santos.

Além dos recentes resultados, o Guarani também vem convivendo com diversos problemas extra-campo. Na semana passada, o vice-presidente Horley Senna registrou um Boletim de Ocorrência acusando o presidente Álvaro Negrão de difamação. Uma reunião está marcada para a noite dessa terça-feira, quando as partes tentarão entrar em um acordo. Para Thiago Gentil, isso não vem atrapalhando no comportamento do time dentro de campo.

"Estou sempre acompanhando as coisas do meu clube, mas acredito que isso não tem atrapalhado. Sentimos o grupo fechado e o Branco tem dado esse respaldo. O grupo tem assimilado tudo isso, essa união, então acredito que os problemas extra-campo não estão nos atrapalhando", finalizou o camisa 10.

Nas últimas quatro rodadas, o Guarani acumulou duas derrotas e dois empates. Com apenas nove pontos em 12 jogos, o time se encontra na 18ª colocação e precisa de quatro vitórias nos próximos sete jogos para escapar da Série A2.

Fonte: André Regi Esmeriz - Especial para o Terra André Regi Esmeriz - Especial para o Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade