3 eventos ao vivo

Em tarde de Damião, Inter goleia o São Luiz e ganha Taça Piratini

10 mar 2013
18h10
atualizado às 19h41

O Internacional ignorou a ótima campanha do São Luiz e venceu com autoridade a decisão da Taça Piratini. Em pleno Estádio 19 de Outubro, em Ijuí, o Colorado bateu o adversário com facilidade, por 5 a 0, após dominar amplamente a partida. Os gols foram marcados por Leandro Damião (2), Gabriel, D’Alessandro e Rafael Moura. Foi a primeira final e o primeiro título de Dunga comandando o Inter, que está garantido na final do Campeonato Gaúcho.

Dono da casa, o São Luiz tentou se impor nos minutos iniciais, mas logo o Inter tomou para si o controle do jogo. A equipe da capital criou várias chances no primeiro tempo e mereceu o 2 a 0 construído. Na etapa final, o gol de D’Alessandro, marcado aos 11 minutos, decidiu de vez o jogo, que caiu bastante de ritmo. Leandro Damião, que marcou dois gols e participou de outros dois, foi o grande destaque da tarde.

Garantido na decisão do estadual, o Inter pode garantir o tricampeonato gaúcho de forma antecipada se conquistar também a Taça Farroupilha. O segundo turno começa no próximo fim de semana. O Colorado visita o Canoas, enquanto o São Luiz recebe o São José. Ambos os jogos ocorrem no domingo.

O jogo - Melhor campanha do Gauchão, o São Luiz tentou se impor nos minutos iniciais. No entanto, a equipe de Ijuí só construiu uma chance no primeiro tempo: aos cinco minutos, em recuo de Juba para Marcos Paraná, que pegou de primeira, mas por cima. De resto, só o Inter criou perigo.

A primeira chance veio aos 10: Josimar tabelou com Forlán, invadiu a área pela esquerda e chutou cruzado para fora. Na sequência, Leandro Damião perdeu chance incrível: D’Alessandro fez cruzamento na medida para o artilheiro, que chutou para fora de dentro da pequena área. O centroavante se redimiria aos 31, ao receber passe de Josimar, limpar Elton Macaé e chutar rasteiro, vencendo Oliveira: Inter 1 a 0.O São Luiz tentou sair para o jogo, mas parava no bem postado sistema defensivo colorado, onde os zagueiros Juan e Rodrigo Moledo se destacavam pela seriedade e segurança. O contragolpe ficava à feição para o segundo gol do Inter. Ele chegou aos 43: Damião cruzou para Forlán, a zaga cortou parcialmente e Gabriel chegou batendo de primeira, fazendo 2 a 0.

Assim como na etapa inicial, foi o São Luiz que chegou primeiro com perigo. Aos dez minutos, Washington arrancou em velocidade pela esquerda e cruzou, mas Rodrigo Moledo cortou antes da conclusão. No minuto seguinte, porém, o jogo teve seus rumos decididos: Leandro Damião cruzou para D’Alessandro, que chegou batendo para fazer o terceiro gol.

A partida, então, caiu bruscamente de ritmo. O São Luiz tentou atacar, mas não obteve sucesso. A melhor chance veio aos 16, em chute de Eraldo defendido por Muriel. O Inter ainda marcou mais um, aos 34: Leandro Damião recebeu de Forlán e chutou colocado. A bola bateu no zagueiro e entrou encobrindo Oliveira: 4 a 0 e muita festa da torcida colorada no Estádio 19 de Outubro.

A seguir, Forlán e Leandro Damião deixaram o campo para as entradas de Caio e Rafael Moura. E foram os dois que, aos 46, fizeram o gol que sacramentou o massacre colorado:.Moura recebeu de Caio e encobriu Oliveira: Inter 5 a 0, e muita festa da torcida em Ijuí.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade