4 eventos ao vivo

Inter busca terceiro técnico em sete meses de gestão Luigi

18 jul 2011
14h06
atualizado às 14h42
Cristiano Silva
Direto de Porto Alegre

O presidente do Internacional, Giovanni Luigi, assumiu o clube colorado em janeiro de 2011 e, com sete meses de gestão, já parte pela terceira vez em busca de um treinador para a equipe colorada.

A atual direção iniciou a temporada mantendo Celso Roth, mesmo com a derrota no Mundial de Clubes, no final de 2010, para o inexpressivo Mazembe. Porém, com uma campanha irregular na Copa Libertadores da América e pressionado pelo torcedor, Luigi demitiu Roth e contratou o ídolo Falcão.

Falcão ficou no comando do Inter por 99 dias. Neste período, conseguiu conquistar o Campeonato Gaúcho, diante do Grêmio, dentro do Olímpico, mas, na Libertadores, acabou sendo eliminado em pleno Beira-Rio para o Peñarol, logo nas oitavas de final do torneio.

O ex-jogador também viveu momentos de divergências com a direção, principalmente após admitir publicamente que o atual grupo de atletas do Inter não teria condições de conquistar o Campeonato Brasileiro e que era necessário a contratação de reforços.

Agora, com a saída de Falcão, Luigi passa a buscar o terceiro treinador do Inter em sete meses de gestão. Os nomes cotados para assumir o cargo são de Dunga, ex-treinador da Seleção Brasileira e outro ídolo colorado, Cuca, ex-técnico do Cruzeiro, e Paulo César Carpegiani, que estava no São Paulo.

Falcão agora passa para a lista de treinadores recentes que têm dinheiro a receber do Inter. A lista é composta pelo uruguaio Jorge Fossati, demitido em junho de 2010, Celso Roth, demitido em abril deste ano, e agora Falcão, que terá que entrar na fila para receber o dinheiro da rescisão contratual.

Giovanni Luigi anuncia saída de Falcão do comando do time colorado
Giovanni Luigi anuncia saída de Falcão do comando do time colorado
Foto: Cristiano Silva / Cristiano Leonardo S. da Silva Jornalismo - Especial para o Terra
Fonte: Cristiano Leonardo S. da Silva Jornalismo - Especial para o Terra Cristiano Leonardo S. da Silva Jornalismo - Especial para o Terra
publicidade