0

Inter tenta usar dívida do Málaga para manter Sandro Silva

30 mai 2012
20h36
atualizado às 21h17

Se por um lado o Internacional definiu a situação do meio-campista Oscar e sonha com Nilmar, por outro pode perder uma peça defensiva. O vice de futebol colorado, Luciano Davi, confirmou que o clube não tem a intenção de desembolsar uma quantia financeira para garantir a permanência do volante Sandro Silva no Beira-Rio.

» Confira o vai e vem dos clubes no Mercado da Bola
» Veja o guia e saiba tudo sobre os times do Brasileiro 2012
» Veja opções de jogadores para o seu time repatriar no Brasileiro

A diretoria colorada trabalha com a informação de que o meio-campista conseguirá a liberação junto ao Málaga, com quem tem contrato até 2014, por conta de uma suposta dívida do clube espanhol. Assim, o Inter manteria Sandro Silva por empréstimo, mas com possibilidade de venda - e uma parte do valor seria repassada aos europeus.

"O que aconteceu foi que o presidente deu uma entrevista dizendo que não iria pagar pelo Sandro Silva, e confirmo isso. O empresário vai conseguir a liberação dele por conta de uma pendência que o Málaga tem", disse Luciano Davi.

O problema é que, nesta terça, Sandro Silva afirmou que o Málaga já quitou a dívida e que não poderia mais exercer nenhum papel na negociação. Ele tem contrato com o Inter até 30 de junho e chegou a dizer que a demora para a concretização da negociação o incomoda. O jogador quer permanecer no Brasil - e no clube gaúcho.

Recuperado de um corte no joelho, por conta de uma confusão em um bar da capital gaúcha, Sandro Silva retorna ao time do Inter contra o São Paulo, dia 6 de junho, no Beira-Rio, às 21h50 (de Brasília).

Emprestado ao Inter até o final de junho, Sandro Silva não sabe se ficará no Beira-Rio
Emprestado ao Inter até o final de junho, Sandro Silva não sabe se ficará no Beira-Rio
Foto: Ricardo Rímoli / Lancepress!
Fonte: Lancepress!
publicidade