5 eventos ao vivo

Inter vence o Pelotas por 3 a 0 e encaminha classificação no Gauchão

9 fev 2013
21h31
atualizado às 21h36

Com uma atuação convincente, o Internacional derrotou o Pelotas por 3 a 0, na noite deste sábado, no Estádio do Vale, em Novo Hamburgo. O uruguaio Forlán foi o grande destaque do jogo, marcando dois gols. A goleada encaminha a classificação da equipe para a segunda fase da Taça Piratini. Com 11 pontos, em terceiro lugar no Grupo B, o Colorado pode garantir sua vaga já na próxima rodada.

A equipe do técnico Dunga dominou completamente a partida. Diante de tanta superioridade, o primeiro gol não demorou a sair, com Forlán. Fred ampliou ainda no primeiro tempo, e no começo da etapa final o uruguaio marcou mais um, definindo a vitória em favor do time da capital. O Inter apresentou um bom futebol, com rápidas trocas de passe, envolvendo o time visitante o tempo inteiro.

O Internacional volta a campo na próxima quarta, quando enfrentará o Caxias, fora de casa. O Pelotas, com a derrota, segue fora da zona de classificação do Grupo A, atrás do Grêmio, em 6º lugar. Quarta a equipe pega o São Luiz, na Boca do Lobo.

O jogo - Seguro desde o início, o Internacional pressionou o Pelotas no Estádio do Vale. Logo aos dois minutos, a primeira chance: Forlán fez boa jogada pelo lado direito e chutou para ótima defesa de Jônatas.

Nem mesmo a saída de Dátolo logo aos três minutos de jogo (Josimar entrou em seu lugar) freou o ímpeto colorado. O Pelotas até chegou duas vezes em chutes de Fabiano Gadelha e Clodoaldo, mas o domínio seguia rubro. Aos 17, Forlán bateu escanteio fechado, o goleiro do Pelotas falhou e Leandro Damião ficou livre, mas não conseguiu concluir. A seguir, Fabrício recebeu de Forlán e cruzou para Damião, que cabeceou para fora.

Aos 25, a pressão surtiu efeito: Fabrício recebeu de Willians e cruzou na medida para Forlán, que pegou de primeira e marcou 1 a 0. E o Inter seguiu em cima. Aos 29, Gabriel tabelou com D’Alessandro, chutou e quase ampliou. A seguir, Forlán novamente pegou de primeira após passe de Fred e por pouco não fez o segundo. Aos 40, após jogada de Willians e Damião, Fred recebeu na área e só teve o trabalho de mandar para as redes: 2 a 0.

No segundo tempo, mesmo com a vantagem, o Inter não diminuiu o ritmo. Depois de Fabrício quase marcar, Forlán por pouco não fez gol olímpico. Aos 8 minutos, o uruguaio marcou um golaço por cobertura, aproveitando bom lançamento de Fabrício. Cinco minutos depois, D’Alessandro levantou na área, Rodrigo Moledo subiu mais alto que a zaga e obrigou Jônatas a uma boa defesa.

O Inter então diminuiu o ritmo, administrando a vitória. Mesmo assim, seguia criando chances a cada vez que chegava. Aos 42, Fred acertou o travessão do goleiro Jônatas. Já nos descontos, Damião serviu Gabriel com um belo passe de calcanhar, mas Jònatas fez boa defesa.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade