0

Internacional

Presidente: Inter caiu de pé e pode brigar por Brasileiro

Mario Ocampo / Getty Images
23 jul 2015
01h20
atualizado às 01h38
  • separator
  • 0
  • comentários

Vitorio Piffero tentou manter a tranquilidade após assistir à derrota por 3 a 1 do Internacional para o Tigres, no México, que eliminou o seu time da Copa Libertadores da América. O presidente deixou a autocrítica de lado e valorizou o clube gaúcho como "o melhor brasileiro" da competição.

"Temos a satisfação de estar aqui nessa condição. A gente caiu de pé diante de uma grande equipe", comentou Piffero, voltando o seu discurso aos colorados. "Peço para os torcedores continuarem nos apoiando. Isso será determinante para a caminhada do Internacional", disse.

Vitório Píffero não se desesperou com a eliminação colorada na Libertadores
Vitório Píffero não se desesperou com a eliminação colorada na Libertadores
Foto: Rafael Cabeleira / Divulgação

A caminhada do Internacional em 2015 agora se resume a torneios nacionais. No Campeonato Brasileiro, que passou a ser prioridade, a equipe paga o preço de ter dado mais atenção à Libertadores e é apenas o décimo colocado, com 19 pontos ganhos.

"Estamos dez pontos atrás do líder. Já houve uma situação em que um time estava 13 pontos na frente e perdeu o campeonato", ironizou. "Dá para a gente chegar. Existe uma diferença, mas não é determinante. Vamos nos focar integralmente no Brasileiro agora", acrescentou.

Piffero não perdeu a calma nem mesmo quando abordou o fato de o Inter perder receitas com a eliminação na Libertadores. "Estamos com as contas equilibradas na gestão. Só fizemos um empréstimo para resolver algumas questões. A Libertadores era boa financeiramente, mas o que nos seduziu foi a hegemonia na América", concluiu o mandatário colorado.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade