0

Bilodeau conquista ouro e encerra jejum histórico do Canadá

15 fev 2010
00h19
atualizado às 01h37

O Canadá comemorou na madrugada desta segunda-feira (horário de Brasília) o fim de um incômodo jejum do país anfitrião dos Jogos de Vancouver. Na final da categoria mogul do esqui estilo livre, Alexandre Bilodeau desbancou os rivais Colas Guilbaut e Dale Begg-Smith para se tornar o primeiro atleta canadense na história a conquistar uma medalha olímpica de ouro em solo nacional.

Bilodeau foi o penúltimo atleta a realizar sua descida na Cypress Mountain na final e, com uma pontuação de 26,75, ultrapassou Dale Begg-Smith, canadense naturalizado australiano e então líder da prova decisiva do mogul.

Apenas o francês Guilbaut Colas poderia 'roubar' o ouro do país-sede de Vancouver. Colas, porém, não conseguiu repetir o bom desempenho apresentado na prova eliminatória, terminou apenas na sexta colocação e permitiu que o Canadá colocasse fim ao amargo tabu. Nas outras duas Olimpíadas que sediou (Montreal 1976 e Calgary 1988), o país não viu nenhum de seus atletas no primeiro lugar do pódio.

Com o inédito ouro de Bilodeau, o Canadá soma sua terceira medalha em Vancouver 2010. A primeira delas havia sido conquistada na madrugada de domingo também no mogul, mas de forma menos feliz para os anfitriões: Jennifer Heil, então campeã olímpica, foi desbancada na final pela americana Hannah Kearney, que faturou o ouro na última descida e deixou Heil com a prata. Na patinação de velocidade, Kristina Groves recebeu o bronze na disputa dos 3.000m.

Na disputa masculina desta madrugada de segunda-feira, a prata ficou reservada a Begg-Smith, responsável por uma pontuação de 26,58. O americano Bryon Wilson, com a marca de 26,08, foi bronze.

O Canadá por pouco não colocou outro atleta no pódio. Isso porque Vincent Marquis, que liderou a competição até a descida de Begg-Smith, terminou na quarta colocação, com 25,88. Muito perto ficou Pierre-Alexandre Rousseau, quinto, após receber 25,83 pontos.

A prova foi marcada por um tombo incrível de um dos favoritos à medalha de ouro do mogul. Atual campeão mundial, o americano Patrick Deneen fazia sua descida em alta velocidade quando perdeu o equilíbrio, caiu, atropelou uma das placas da pista e cruzou a linha de chegada ainda deslizando.

Jogos Olímpicos de Inverno no Terra

O Terra transmite ao vivo a competição em 15 canais simultâneos de vídeo. Além disso, os usuários têm a possibilidade de assistir novamente a todo o conteúdo a qualquer momento. Todo o acesso é gratuito.

Uma equipe de 60 profissionais está encarregada de fazer a cobertura direto de Vancouver e dos estúdios do Terra, em São Paulo, no Brasil, com as últimas notícias, fotos, curiosidades, resultados e bastidores da competição.

A equipe conta com a participação do repórter especialista em esportes radicais Formiga - com 20 anos de experiência em modalidades de neve -, e o pentacampeão mundial de skate Sandro Dias, que comenta a competição em seu blog no Terra.

No celular
wap: wap.terra.com.br
Iphone e smartphones: m.terra.com.br/vancouver

Americano dá vexame e leva tombo incrível no mogul
Fonte: Terra

compartilhe

publicidade
publicidade