0

Italiano conquista medalha de ouro na prova do slalom

27 fev 2010
20h40
atualizado às 20h46
Tarian Chaud
Direto de Whistler

O itaiano Giuliano Razzoli conquistou a medalha de ouro na prova do slalom dos Jogos de Inverno ao marcar 1min39s32 no acumulado das duas descidas, ambas vencidas por ele. A prata lugar ficou com o croata Ivica Kostelic (1min39s48) e o bronze com Andre Myhrer (1min39s76).

Brasileira melhora tempo, mas é 48ª no slalom

"É um sentimento fantástico. Acabo de realizar um sonho. Foi a descida mais importante da minha vida. Tenho a certeza de que a medalha também é muito valiosa para a Itália, já que é a primeira de ouro nestes Jogos Olímpicos de Inverno", disse Razzoli.

O brasileiro Jhonathan Longhi não consegiu concluir o percurso da primeira descida. Pouco mais da metade dos 102 competidores conseguiram chegar ao fim da prova. Whistler, cidade sede onde acontece a competição, está com bastante neblina, o que se torna uma dificuldade a mais para os competidores.

A caminhada brasileira em Vancouver que chega ao fim com Jhonatan começou no último dia 15, com o 67º lugar de Jaqueline Mourão no esqui cross country feminino. No mesmo dia, na prova masculina, Leandro Ribela ficou em 90º.

Já no dia 16, foi a vez de Isabel Clark entrar em ação e conquistar o 19º lugar no snowboard cross. Por fim, no esqui alpino, o Brasil teve Maya Harrisson, desclassificada no slalom gigante na última quarta e 48ª no slalom nesta sexta, além de Jhonatan Longhi como representantes.

Entenda a prova de slalom do esqui alpino

O slalom tem o percurso mais curto e as voltas mais rápidas do esqui alpino. Assim como no slalom gigante, os competidores descem a montanha duas vezes, em direções diferentes, mas com a mesma inclinação. Os tempos são somados e o atleta mais rápido fica com o ouro.

O número de portas (espécies de obstáculos feitos com hastes e bandeira) costuma ser de 60 a 65 para homens e 50 a 55 para as mulheres. Ocasionalmente, um competidor que perdeu uma porta termina o percurso e consegue um tempo oficial, mas é punido. O atleta também pode ser desclassificado caso o replay mostre que ele não passou corretamente por alguma das portas.

Jogos Olímpicos de Inverno no Terra

O Terra transmite ao vivo a competição em 15 canais simultâneos de vídeo. Além disso, os usuários têm a possibilidade de assistir novamente a todo o conteúdo a qualquer momento. Todo o acesso é gratuito.

Uma equipe de 60 profissionais está encarregada de fazer a cobertura direto de Vancouver e dos estúdios do Terra, em São Paulo, no Brasil, com as últimas notícias, fotos, curiosidades, resultados e bastidores da competição.

A equipe conta com a participação do repórter especialista em esportes radicais Formiga - com 20 anos de experiência em modalidades de neve -, e o pentacampeão mundial de skate Sandro Dias, que comenta a competição em seu blog no Terra.

No celular
wap: wap.terra.com.br
Iphone e smartphones: m.terra.com.br/vancouver

Fonte: Terra

compartilhe

publicidade
publicidade