2 eventos ao vivo

Após fila de 6h, empresa se desculpa por tumulto na compra de ingressos

25 jul 2012
07h16
atualizado às 07h17

A CoSport, maior agência responsável pela venda de ingressos para os Jogos Olímpicos de Londres, pediu desculpas aos espectadores e torcedores pelo transtorno causado no início desta semana, quando pessoas enfrentaram uma fila de mais de seis horas para adquirirem seus bilhetes. Porém, a empresa afirmou que não pode tomar nenhuma providência sobre o problema com os assentos separados das famílias que compraram ingressos juntos.

» Terra transmite ao vivo 6 jogos de futebol no 1º dia da Olimpíada
» Veja e vote nas atletas que brigam para entrar na lista das mais belas
» Saiba como assistir à Olimpíada no Terra
» Coloque as notícias sobre a Olimpíada no seu site
» Veja a agenda completa para os Jogos de Londres

Em um comunicado, a empresa responsável pela distribuição de ingressos para Estados Unidos, Canadá e Ausrtália afirmou que entende a "frustração" das pessoas em ter que esperar tanto tempo para conseguir ter seus ingressos e mãos.

A empresa disse ainda que, na segunda-feira, primeiro dia de distribuição de ingressos, o número de funcionários trabalhando na área foi dobrado e que a demora não deveria ter acontecido.

Outra reclamação dos espectadores foi o forte calor e a falta de estrutura para enfrentar as filas. Para esse problema, a empresa disse ao jornal The Guardian que colocará coberturas para aliviar as altas temperaturas de Londres.

Venda ilegal de ingressos
O jornal The Mirror fez uma denúncia em relação à venda de ingressos para os Jogos de Londres. De acordo com a publicação, a operadora americana Cartan Tours, responsável por vender ingressos para a Nova Zelândia, comercializava bilhetes no Ibis Styles Hostel para membros de outras nacionalidades.

Além disso, segundo o jornal, os preços dos ingressos eram abusivos. A Cartan só poderia ganhar até 20% em cima de cada venda, mas os números variavam de 24% a 40%.

Em contato com o jornal, o Comitê Organizador de Londres afirmou que irá investigar as acusações. Procurada pela reportagem do The Mirror, a Cartan não foi encontrada.

Olimpíada ao vivo no Terra
O Terra, maior empresa de internet da América Latina, transmitirá ao vivo e em alta definição (HD) todas as modalidades dos Jogos Olímpicos de Londres, de 25 de julho e 12 de agosto de 2012. Com reportagens especiais e acompanhamento do dia a dia dos atletas, a cobertura conta com textos, vídeos, fotos, debates, participação do internauta e repercussão nas redes sociais.

Ingressos geram polêmica na capital britânica
Ingressos geram polêmica na capital britânica
Foto: Locog / Divulgação
Fonte: Terra

compartilhe

publicidade