0

Brasil faz três no 1º tempo, leva sufoco no fim e vence Egito

26 jul 2012
17h35
atualizado às 19h43
Fábio de Mello Castanho
Direto de Cardiff (País de Gales)

O nervosismo da Seleção masculina de futebol pela estreia dos Jogos Olímpicos de Londres surgiu em dois momentos distintos no duelo desta quinta-feira contra o Egito. Primeiro com o rival superior nos 10min iniciais, obrigando o time de Mano Menezes a colocar a bola no chão, atropelar o adversário em jogadas com troca de passes rápidos e abrir três gols. Depois no fim do duelo, ao sofrer dois gols e levar sufoco nos instantes finais do confronto. Mesmo assim, venceu por 3 a 2, no Estádio Millenium, em Cardiff, e somou seus primeiros três pontos no torneio.

» Veja a ficha completa e os números do jogo
» Veja os grupos e a classificação do futebol olímpico
» Saiba como estão os ídolos da Seleção de bronze de 1996
» Escolha a atleta mais bela dos Jogos Olímpicos de Londres 2012
» Saiba todos os detalhes dos atletas brasileiros que estarão em Londres

O quarteto ofensivo brasileiro, formado por Leandro Damião, Oscar, Neymar e Hulk, teve atuação destacada, participando ativamente do jogo e dos gols marcados. Oscar iniciou as jogadas dos dois primeiros gols, dando passes para Rafael Silva, aos 15min, e Leandro Damião, aos 25min, marcarem. O terceiro gol, ainda no 1º tempo, saiu em tabela entre Neymar e Hulk, aos 29min. Aboutrika descontou aos 6min do segundo tempo, enquanto Mohamed Salah fez o segundo aos 30min.

A vitória dá tranquilidade para o Brasil decidir a vaga às quartas de final nos jogos contra Bielorrússia, no próximo domingo, em Nova Zelândia, na outra quarta. O Brasil busca o primeiro ouro olímpico no futebol e vem de um fiasco em Pequim, quando perdeu para a Argentina nas semifinais.

O confronto em Cardiff

O Brasil pareceu ter começado nervoso o duelo desta quinta-feira em Cardiff. A pressão por uma medalha de ouro inédita seria, à princípio, mais um obstáculo para o grupo verde e amarelo, visto que o Egito começou o duelo melhor e dominando as ações defensivas em busca do gol.

Mas a Seleção passou a esboçar uma reação a partir dos 9 minutos. Foi quando o experiente Hulk puxou jogada individual pela esquerda, passou por alguns marcadores, invadiu a área e cruzou para o meio para Neymar, que finalizou com precisão e tirou tinta da trave defendida por Elshenawi.

A partir daí, os brasileiros passaram a dar um baile. O gol não demorou a sair: foi aos 16min, em belo lance de Oscar. Disposto a mostrar que Mano Menezes acertou ao preterir Ganso e optar pelo novo contratado do Chelsea, o camisa 10 deu uma bela enfiada de bola para Rafael, que ajeitou na área e bateu no canto.

O segundo veio em nova jogada de Oscar, que desta vez fez papel de atacante, entrou dentro da área egípcia, passou pelo goleiro Elshenawi e tocou para o meio. Leandro Damião, totalmente livre de marcação, só teve o trabalho de dominar e tocar para o gol, defendido então por dois zagueiros.

O terceiro saiu três minutos depois, aos 29min. Neymar, que fazia boa partida, puxou pelo meio e enfiou para Hulk, que abriu pela ponta, olhou para área e lançou justamente para o astro do Santos. Livre de marcação, o camisa 11 cabeceou com firmeza, em bola indefensável para o goleiro do Egito.

A partir daí, a equipe verde e amarela diminuiu o ritmo e passou a administrar o resultado. Mano voltou para o segundo tempo com a mesma formação e, mais recuada, a Seleção tocava a bola e fazia o tempo passar. Ainda sofreu um gol feito por Aboutrika, depois de cruzamento na área que pegou na trave e sobrou em seus pés.

O Egito ainda teve tempo de diminuir ainda mais o placar, em tento marcado por Mohamed Salah, a 15 minutos do fim, que deu sufoco no fim do confronto. Nada que abalasse uma estreia vitoriosa do Brasil rumo ao seu primeiro ouro olímpico no futebol.

Ficha técnica

BRASIL 3 x 2 EGITO

Gols
BRASIL:
Rafael, aos 16min, Leandro Damião, aos 26min, e Neymar, aos 30min do primeiro tempo

EGITO:
Aboutrika, aos 7min, e Mohamed Salah, aos 30min do segundo tempo

BRASIL: Neto; Rafael, Thiago Silva, Juan e Marcelo; Sandro (Danilo) e Rômulo; Hulk (Ganso), Oscar e Neymar; Leandro Damião (Alexandre Pato)
Treinador: Mano Menezes

EGITO: Elshenawi; Alaa Eldin, Aboutrika, Hegazi e Ahmed Fathi; Mohsen (Mohamed Salah), Emad Meteab, Ramadan e Saleh Gomaa (Ahmed); Hassan e El Neny (Magdy)
Treinador: Hany Ramzy

Cartões amarelos
BRASIL: Hulk
EGITO: Saleh Gomaa e Alaa Eldin

Local
Millenium Stadium, em Cardiff (País de Gales)

Olimpíada ao vivo no Terra
O Terra , maior empresa de internet da América Latina, ao vivo e em alta definição (HD) todas as modalidades dos Jogos Olímpicos de Londres. Com reportagens especiais e acompanhamento do dia a dia dos atletas , a cobertura conta com textos, vídeos, , fotos participação do internauta e repercussão no Facebook .Siga também a cobertura no Twitter e participe com a hashtag: #TerraLondres2012









Terra

compartilhe

publicidade
publicidade