1 evento ao vivo

Damião elogia ataque da Seleção e exalta passe para Oscar como gol

13 jun 2012
19h45
atualizado em 14/6/2012 às 14h09

"Centroavante vive de gol" é uma das frases feitas mais antigas do futebol. Leandro Damião teve a audácia de contrariá-la na tarde desta quarta-feira, no Beira-Rio. Mesmo não tendo marcado com a camisa 9 da Seleção Brasileira, Damião analisou como positiva sua participação nos quatro amistosos.

» Compare as obras para Brasil 2014 em relação a África do Sul 2010
» Quem é o presidente ideal para a CBF? Veja "candidatos" e vote no melhor

O atacante colorado mostrou boa movimentação nos jogos, mas falhou em algumas oportunidades criadas para ele. Seu ápice foi a parede e o passe para Oscar, no segundo gol brasileiro contra a Argentina, o que Damião considerou com um gol.

"Foi muito bom esse tempo de Seleção. Foram quatro jogos de preparação excelente. Foi bom ficar mais perto do Mano também, podemos acertar posicionamento, questões táticas, foi excelente. Só de dar passe para o Oscar foi um gol, só de ver a felicidade dele e todo mundo vibrando, foi importante", disse Damião.

Junto com Oscar, o camisa 9 fica agora mais quatro jogos no clube gaúcho: pega Botafogo, Sport, Bahia e Cruzeiro. O Inter espera aproveitar seu time completo e manter a boa fase. Por ora, o centroavante esquece Olimpíada e Copa do Mundo e foca no Inter e no Campeonato Brasileiro.

Criticado por não ter marcado, Damião também analisou a concorrência no ataque da Seleção. Os principais nomes dos últimos jogos foram Neymar, Hulk e Alexandre Pato. Ele projeta os Jogos Olímpicos vitoriosos com essa parceria no setor ofensivo, embora Hulk não tenha idade olímpica e ainda não tenha vaga assegurada.

"Nosso ataque está bom. O Hulk é grande jogador. O Pato é um grande irmão, está jogando muito. Podendo voltar das lesões, o que é importante, nós estamos querendo ver ele jogando de novo. O Neymar é muito bom também, tem muito a evoluir nos próximos anos, o Brasil está preparado para a Olimpíada e tem tudo para ir bem nesta competição", projetou Damião.

A convocação para Londres acontece dia 6 de julho. O Inter projeta perder Oscar e Damião para a Olimpíada, que acontece entre os dias 27 de julho e 12 de agosto na capital inglesa.

Centroavante do Inter ficou satisfeito com seu desempenho nos amistosos, mesmo não marcando gols
Centroavante do Inter ficou satisfeito com seu desempenho nos amistosos, mesmo não marcando gols
Foto: Mowa Press / Divulgação
Fonte: Lancepress!
publicidade