Jogos Olímpicos - 2012

publicidade
24 de janeiro de 2012 • 13h29 • atualizado às 13h37

Eu tento esquecer que sou o melhor do mundo, diz corredor britânico

Dai Greene tenta manter a motivação depois de se sagrar campeão mundial
Foto: Getty Images
 

Campeão mundial nos 400 metros com barreiras em Daegu, no ano passado, o corredor britânico Dai Greene está pronto para a Olimpíada de Londres. O atleta, 26 anos, é o número um do ranking e disse não ter ficado surpreso após o título conquistado na Coreia do Sul.

"Eu não diria que me senti vazio. Quando eu cruzei a linha de chegada em primeiro eu pensei: fantástico, mas ao mesmo tempo eu não me deixei levar pelo momento", disse, em entrevista ao site da rede britânica BBC.

"Eu esperava isso acontecer, eu atingi meu objetivo. Agora vou definir outro objetivo e tentar alcançá-lo", afirmou. A meta do britânico no ano passado era conseguir passar de terceiro corredor do mundo ao posto de melhor. Após atingir o feito, Greene não considera ser campeão mundial algo importante.

"Eu sempre quis ser o melhor do mundo, e agora que eu sou, vou me desmotivar? Tento esquecer que sou o melhor. Quando as pessoas chegam em mim e falam: 'e ai campeão, como vai?' Esse tipo de coisa pode dar motivação no treinamento, mas o melhor é dar o seu máximo para esquecer isso", acrescentou Greene.

Terra Terra