0

Jacques Rogge não descarta críquete como esporte olímpico

7 jun 2011
13h07

O presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Jacques Rogge, declarou nesta terça-feira seu total apoio à conversão do críquete em esporte olímpico, modalidade da qual é entusiasta e considera ser "popular e com muito apelo televisivo."

No que depender de Jacques Rogge, presidente do COI, o críquete deve ganhar espaço no programa olímpico
No que depender de Jacques Rogge, presidente do COI, o críquete deve ganhar espaço no programa olímpico
Foto: EFE

"O Conselho Internacional de Críquete decidirá no final de junho a sua apresentação como esporte olímpico. O novo presidente poderia estar interessado. É uma solicitação que será bem-vinda", disse Rogge ao tablóide inglês The Evening Standard.

"É um esporte importante, popular e com muito apelo televisivo. Tem muita tradição e respeita as regras", complementou o presidente do COI.

Rogge, no entanto, advertiu sobre o risco de apostas ilegais nos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012. "Em Vancouver-2010 e Pequim-2008 estivemos em vigilância e não detectamos apostas ilegais. Mas seria imprudente de minha parte assegurar que isso não acontecerá em Londres. Evidentemente que estou preocupado. Temos que estar preparados."

Veja também:

Revista elege os 10 melhores laterais esquerdos do mundo
AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
publicidade