1 evento ao vivo

Jornal britânico prepara "guia para sobreviver à Olimpíada"

31 jan 2012
10h14
atualizado em 4/5/2012 às 12h27
  • separator

À medida que o início dos Jogos Olímpicos de Londres se aproximam, o povo britânico vê aumentar não apenas a expectativa e animação, mas também os problemas. O elevado número de turistas, as restrições de segurança e eventuais problemas estruturais devem causar muita dor de cabeça para o cidadão comum. Pensando nisso, o jornal This is London preparou um "guia de sobrevivência". Confira.

Use seu smartphone

Acompanhar notícias em tempo real e se manter ligado às redes sociais será mais importante do que nunca durante a Olimpíada de Londres, já que o Transport for London, órgão que cuida do sistema de transportes da cidade, vai fazer atualizações informando quais estações de metrô estão com sobrecarga de passageiros. Também haverá sugestão de rotas alternativas>

O governo britânico já identificou alguns hot spots que devem ser evitados: estações próximas aos locais de competição e estações como Canary Wharf, Bond Street e London Bridge. A expectativa é de que no horário de pico, entre 17h e 18h30, a espera por transporte ultrapasse os 30min.

Evite o trânsito e ande mais

A preocupação com a lotação no sistema de metrô é grande em Londres, mas continua menor do que o problema que será causado pelo tráfego de veículos. A Olympic Road Network vai interditar mais de 175 km de vias por Londres e outras áreas de competição. Essas faixas serão exclusivas para atletas, patrocinadores, membros do Comitê Organizador e autoridades.

Uma das alternativas incentivadas pelo governo britânico para fugir dos problemas no metrô e no trânsito é fazer a ligação entre as linhas de trem a pé. Londres tem o metrô mais antigo do mundo, uma malha com 400 km de extensão, 11 linhas e 270 estações. O sistema de bilhete único da cidade e a proximidade entre as linhas permitira que cidadãos passassem de uma para a outra pelas ruas, caminhando.

Vá de bike

Sempre que pode, o prefeito de Londres, Boris Johnson, sobe em sua bicicleta e se deixa fotografar pedalando pela cidade para promover esse tipo de transporte. Para os Jogos Olímpicos, o governo fez melhorias no sistema de ciclovias - oito delas dão acesso ao Parque Olímpico, local onde parte dos eventos será realizado. São cerca de 75 km de faixas exclusivas para bicicletas. Além disso, foram criados novos bicicletários, aumentando em 7 mil o número de vagas.

Atrase a volta para casa - em um pub

Peter Hendy, Comissário de Transportes para os Jogos Olímpicos, sugeriu em evento na segunda-feira que os trabalhadores adiem a volta para casa por algumas horas para evitar o horário de pico e aliviar o sistema metroviário da cidade. A melhor maneira de fazer isso, segundo ele, é curtir o "happy hour" nos tradicionais pubs londrinos. "Nós não estamos dizendo não viaje. E não estamos dizendo não viaje para casa às 17h. Mas, para aqueles que puderem, vão a um pub e voltem para casa às 18h30", disse Hendy.

Trabalhe de casa

De acordo com o jornal This is London, 37% dos londrinos estudam a possibilidade de não ir ao trabalho durante os Jogos Olímpicos de Londres, seguindo a política ditada por Peter Hendy: "se você não tem que estar em algum lugar, então não vá até lá". Acredita-se que empresas de pequeno e médio porte permitam que seus funcionários cumpram suas funções do conforto do lar.

Londres 2012 no Terra

O Terra, maior empresa de internet da América Latina, transmitirá ao vivo e em alta definição (HD) todas as modalidades dos Jogos Olímpicos de Londres, que serão realizados entre os dias 27 de julho e 12 de agosto de 2012. Com reportagens especiais e acompanhamento do dia a dia dos atletas, a cobertura contará com textos, vídeos, fotos, debates, participação do internauta e repercussão nas redes sociais.

Boris Johnson, prefeito de Londres, prepara bicicleta para passeio pela cidade
Boris Johnson, prefeito de Londres, prepara bicicleta para passeio pela cidade
Foto: Getty Images

Veja também:

Final do Paulistão e início do Brasileiro são os destaques do fim de semana
Fonte: Terra
publicidade