1 evento ao vivo

Pai de judoca saudita denuncia insultos conservadores no Twitter

5 ago 2012
14h44
atualizado às 18h58

O pai da judoca Wojdan Ali Seraj Abdulrahim Shaherkani, a primeira saudita a participar de uma edição dos Jogos Olímpicos, anunciou neste domingo, em um comunicado, sua intenção de denunciar todos que insultaram sua filha através do Twitter.

» Escolha o esporte e assista aos vídeos da Olimpíada de Londres
» Saiba tudo sobre os medalhistas do Brasil em Londres
» Veja como foram as conquistas dos brasileiros
» Veja mapa e conheça tudo sobre o Parque Olímpico de Londres
» Confira a programação de ao vivo do Terra
» Veja a agenda e resultados dos Jogos de Londres

"Enviei um telegrama ao ministro do Interior, o príncipe Ahmed Ben Abdel Aziz, com as cópias de todos os insultos publicados no Twitter", assinalou Ali Seraj Abdulrahim Shaherkani ao jornal Alsharq.

O pai da judoca acrescentou que deu instruções a um advogado para que abra um processo porque, além disso, duas pessoas, uma das quais foi presa, hackearam sua conta no microblog para atacar sua filha.

Shaherkani esclareceu que sua denúncia não atingirá as pessoas que criticaram a atuação esportiva de sua filha de 16 anos, que perdeu logo no primeiro combate em Londres para a portorriquenha Melissa Mojica, com apenas 82 segundos de luta.

Muitos defenderam nas redes sociais a participação de Wodjan nos Jogos, mas setores mais conservadores criticaram que a participação de uma mulher saudita no evento.

"Foi uma honra para minha filha participar nesta competição e representar a Arábia Saudita", acrescentou o pai da esportista, que já anunciou sua intenção de disputar nos Jogos do Rio de Janeiro.

Shakerkani contou que a participação de sua filha em Londres foi financiada pela própria família e que ela não recebeu nenhum incentivo do Comitê Olímpico da Arábia Saudita.

A judoca é uma das duas atletas, junto com Sarah Attar, atleta dos 800 m rasos, que a Arábia Saudita permitiu participar pela primeira vez nas provas femininas das Olimpíadas.

Para autorizar esta presença histórica, o príncipe Nawaf ben Faysal, chefe dos esportes na ultraconservadora Arábia Saudita, exigiu que as atletas usassem traje islâmico e tivessem a presença de um parente próximo, entre outras condições.

Olimpíada ao vivo no Terra
O Terra, maior empresa de internet da América Latina, transmite ao vivo e em alta definição (HD) todas as modalidades dos Jogos Olímpicos de Londres. Com reportagens especiais e acompanhamento do dia a dia dos atletas, a cobertura conta com textos,vídeos,fotos, e participação do internautae repercussão no Facebook.Siga também a cobertura no Twitter e participe com a hashtag: #TerraLondres2012

Wodjan lutou com véu islâmico na competição do judô em Londres
Wodjan lutou com véu islâmico na competição do judô em Londres
Foto: Reuters
AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 

compartilhe

publicidade