0

Daniele Hypólito planeja aposentadoria perfeita no Rio 2016

1 set 2012
10h10
atualizado às 17h15
João Paulo Di Medeiros
Direto de Goiânia

Em Londres, Daniele Hypólito foi ao chão e não conseguiu chegar às finais da competição. Prestes a completar 28 anos, a ginasta afirmou que lutará para encerrar a carreira nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro em 2016.

Daniele não pôde seguir no Campeonato Brasileiro disputado em Goiânia pois sentiu um problema no seu tornozelo que está muito inchado e ela mal conseguia caminhar. Não eram só as dores que a impediam de andar pelo ginásio, mas uma legião de crianças que a abordavam para tirar fotos e pedir autógrafos.

Sem conseguir competir, a ginasta estava nas arquibancadas para torcer pelos companheiros de clube e assistir ao torneio. Daniele pediu desculpas para as pessoas que foram ao ginásio vê-la em ação.

A ginasta colheu bons resultados nas primeiras edições de Olimpíadas que participou conseguindo as melhores colocações do País em Sydney-2000 e Atenas-2004. Em Pequim, conseguiu com a seleção feminina o oitavo lugar geral. Mas Daniele sonha com algo maior, quer encerrar a carreira no Rio de Janeiro em 2016 com uma medalha no peito.

Porém, Daniele disse que terá uma missão árdua pela frente para conseguir a classificação para os Jogos, já que segundo ela, o nível das ginastas brasileiras é muito alto. Mas ela não vai desistir. "Eu quero disputar, vou batalhar muito, esse é o ano para se adaptar, quero focar em dois aparelhos, a trave e o solo. Tenho que saber lidar com as críticas e focar no que eu mais quero", desabafou.

Hypólito comentou a recepção que teve das crianças e revelou que esse é um dos motivos para que ela não desista do sonho. "Isso é muito bom, tem o lado do respeito, o lado do carinho das pessoas que me dão força", frisou.

Experiente, a ginasta analisou o momento da ginástica brasileira e acredita que uma nova safra de bons valores. "Elas estão começando a entrar na seleção, têm tudo para ser uma safra muito boa, mas temos que aguardar para saber como vão lidar com a pressão", apontou.

Mesmo com a idade avançada para os padrões da ginástica, não passa pela cabeça de Daniele a aposentadoria. "Eu já estava com uma ideia muito fixa que iria até 2016, eu quero fazer o que todo atleta sonha. Eu pretendo encerrar a minha carreira em casa", projetou.

Daniele Hypólito quer se aposentar após Jogos Olímpicos do Rio
Daniele Hypólito quer se aposentar após Jogos Olímpicos do Rio
Foto: Reuters
Fonte: MEI João Paulo Bezerra Di Medeiros - Especial para o Terra

compartilhe

publicidade