PUBLICIDADE

Brasil garante 4 vagas na maratona aquática do Pan

17 abr 2011 16h42
| atualizado às 16h46
Publicidade

O alemão Thomas Lurz e a argentina Cecília Biagoli foram os vencedores, neste domingo, da Maratona Aquática Internacional de Santos/Troféu Renata Câmara Agondi/Unisanta, na estreia do circuito da Copa do Mundo da modalidade, competição com sete etapas, todas no percurso olímpico de 10 quilômetros.

Os melhores brasileiros na prova foram Poliana Okimoto, Allan do Carmo e Ana Marcela, que garantiram vaga nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara 2011. A segunda vaga para o Pan no masculino será estabelecida pelos organizadores após a definição da ordem de chegada entre Victor Colonese e Victor Simões.

A prova era seletiva pan-americana para os nadadores da América do Sul, oferecendo sete vagas por sexo ao país do nadador. A prova teve a participação de 91 nadadores (50 homens e 41 mulheres) de 21 países.

Os brasileiros estavam satisfeitos pela classificação ao Pan de Guadalajara. "Passei um pouco mal no início da prova e preferi segurar um pouco. Depois apertei o ritmo, mas não sabia que a Cecília estava tão na frente. Agora, no fim, uma correnteza atrapalhou a todas nós e embaralhou as posições, mas deu para segurar um pódio", disse Poliana Okimoto.

"A prova foi muito disputada e agora no fim tinha uma correnteza traiçoeira, que traiu muita gente", afirmou Allan. Já Ana Marcela estava satisfeita por ter garantido a segunda vaga feminina do país para Guadalajara.

"Apertei muito no fim para pegar a Cecília, que tinha disparado, e faltou gás. Pelo menos deu pra garantir a segunda vaga brasileira", afirmou Ana, vencedora das duas últimas edições da Travessia Internacional de Santos, em 2009 e 2010.

A prova distribuiu US$ 20 mil em prêmio para os oito melhores no masculino e no feminino. Os vencedores ganharam US$ 2,5 mil e os vices US$ 2 mil. Os medalhistas de bronze receberam US$ 1,5 mil.

Poliana Okimoto garante vaga no Pan de Guadalajara
Poliana Okimoto garante vaga no Pan de Guadalajara
Foto: Ricardo Brandão/CBDA / Divulgação
Fonte: Terra
Publicidade