0

Dilma exalta paratletas e vê "estímulo" para Brasil na Copa e Olimpíada

24 nov 2011
16h24
atualizado às 18h19

A presidente Dilma Rousseff recebeu, nesta quinta-feira, em Brasília, os atletas e dirigentes que participaram do Parapan-Americano de 2011, disputado em Guadalajara. No encontro, a mandatária se mostrou orgulhosa pelos resultados obtidos e exaltou o sucesso deles como um "estímulo" para as competições que o Brasil sediará.

Veja o quadro de medalhas dos Jogos Parapan-Americanos de Guadalajara

"Acredito que este é um momento especial porque tivemos um desempenho fantástico no Parapan e isso pra todos nós é um estímulo no momento que o Brasil vai receber uma Copa e uma Olimpíada", afirmou a presidente. Após a declaração, Dilma tirou fotos com os paratletas e recebeu uma medalha. Animada e sorridente, ela conversou bastante com os presentes enquanto conhecia cada um.

Também presente na homenagem, o ministro do Esporte Aldo Rebelo enalteceu as conquistas dos paratletas como um orgulho nacional. "Sei que vocês têm muito orgulho do que fizeram, do esforço, da superação. Vocês são orgulhos para suas famílias, comunidades e acima de tudo para o país. Contem com o Ministério do Esporte, com nosso apoio e nosso empenho", disse.

De acordo com o Ministério do Esporte, os bolsistas do governo conquistaram 79% de todas as medalhas do País na competição. A porcentagem é relativa a 156 medalhas no quadro geral, sendo 56 ouros, 52 pratas e 48 bronzes.

Após vencer em 2007, no Rio de Janeiro, o Brasil confirmou a supremacia em Guadalajara e terminou os Jogos Parapan-Americanos na primeira colocação, com 197 medalhas, sendo 81 de ouro, 61 de prata e 55 de bronze. Além disso, o Brasil teve a maior delegação, com 222 atletas divididos em 13 modalidades.

A presidente Dilma recebeu nesta quinta os atletas brasileiros que disputaram o Parapan
A presidente Dilma recebeu nesta quinta os atletas brasileiros que disputaram o Parapan
Foto: Roberto Stuckert Filho/PR / Divulgação
Fonte: Terra
publicidade