1 evento ao vivo
Logo do Jogos Pan-Americanos
Foto: terra

Jogos Pan-Americanos

Jogos Pan-Americanos

Lili e Carol Horta faturam bronze e mantêm tradição no Pan

Bruno Miani / Inovafoto
21 jul 2015
17h20
atualizado às 19h00
  • separator
  • comentários

Lili e Carol Horta venceram o Canadá na disputa do bronze e mantiveram a tradição brasileira de angariar medalhas em todas as edições de Jogos Pan-Americanos no vôlei de praia. Na tarde desta terça, a dupla levou 34 minutos para derrotar as anfitriãs Melissa Humana-Paredes e Taylor Pischke por 2 sets a 0, com parciais de 21/9 e 21/14.

Na semifinal, a capixaba e a cearense foram derrotadas pelas argentinas Ana Gallay e Goergina Klug por 2 sets a 1 (21/17, 21/23 e 15/13), mas se reabilitaram e venceram Canadá para assegurar o pódio em Toronto.

Carol conseguiu se recuperar após atuação fraca na semifinal
Carol conseguiu se recuperar após atuação fraca na semifinal
Foto: Bruno Miani / Inovafoto

Desde os Jogos de Winnipeg 1999, quando a modalidade passou a ser disputada no Pan, o Brasil teve representantes em todos os pódios, tanto na chave feminina quanto na masculina. Adriana Behar/Shelda Bede foi campeã na primeira edição e Ana Richa/Larissa França foi bronze em Santo Domingo 2003. No Rio de Janeiro 2007 e Guadalajara 2011, a dupla de Juliana Silva e Larissa França, esposa de Lili, foi bicampeã.

Lili e Carol comemoraram muito a medalha de bronze
Lili e Carol comemoraram muito a medalha de bronze
Foto: Bruno Miani / Inovafoto

Entre os homens, Adriano Dias/Luís Barbosa da Silva foi prata em 1999 após derrota para o Canadá, enquanto Roberto Lopes/Franco Neto completaram o pódio. Luizão/Paulo Emílio perderam a final de 2003 para Cuba e foram novamente prata. O primeiro título veio em 2007, com Ricardo/Emanuel, feito que Emanuel repetiu em 2011, em parceira com Alison.

Diferente da dupla feminina, Álvaro e Vitor Felipe se saíram vitoriosos na semifinal diante Cuba por 2 sets a 0 (21/17 e 21/15) e vão decidir o título com o México, que bateu o Chile também em sets diretos (21/18 e 21/13). A final será nesta terça-feira, às 22h (de Brasília). 

"Ary e Bernardinho nunca se beijariam", brinca dirigente

 

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade