0

Olimpíada 2016

Recordista, Mr. Pan desabafa: cansei de ouvir que seria 4º

Satiro Sodre / SS Press

Nadador admite que todo respeito mudou apenas depois da prata olímpica nos 400 m medley nos Jogos Olímpicos de Londres 2012

19 jul 2015
12h06
atualizado às 12h07
  • separator
  • 0
  • comentários

Aos 29 anos e no quarto Jogos Pan-Americanos de Toronto, Thiago Pereira começa a colher os números de uma carreira de sucesso na natação. Nascido em Volta Redonda (RJ), ele conseguiu no último sábado se tornar o verdadeiro Mr. Pan ao somar 23 medalhas na competição ao ficar em segundo lugar nos 200 m medley e ser ouro no revezamento 4x100 m medley, apesar de não ter participado da final.

No entanto, Thiago admite que todo respeito em relação a ele mudou apenas depois da prata olímpica nos 400 m medley nos Jogos Olímpicos de Londres 2012. Antes disso, o brasileiro havia batido na trave em Atenas 2004 e Pequim 2008.

“Fui quarto várias vezes e cresci bastante com isso. Cansei de ouvir que nunca deixaria de ser quarto. A medalha olímpica não veio de maneira fácil. Fiz parte de uma grande geração (com Michael Phelps e Ryan Lochte) e foi uma honra ter feito parte dela. Só eu sei o quanto tive que trabalhar para aquela medalha e conquistei em cima deles”, desabafou.

O alívio da medalha foi tão importante que Thiago Pereira conquistou no ano seguinte as pratas nos 200 m e 400 m medley no Mundial de Barcelona, as primeiras que conseguiu em prova individual no torneio de piscina longa.

Em Toronto, Thiago foi com a missão de conseguir se tornar o maior medalhista da história em Pan-Americanos. Precisava de quatro medalhas e sofreu um susto ao ser punido e perder o ouro nos 400 m medley, porém no último dia conseguiu o segundo lugar nos 200 m medley e festejou com  o quarteto que foi ouro no 4x100 m medley.

“Sabia que nosso país precisava disso e é uma força a mais para a galera que está vindo. Não tem muito de choramingar. Era hora de levantar a cabeça e ir para próxima. Não tinha nada do que poderia fazer”, disse Thiago, sobre a polêmica punição.

Em Pan, Thiago acumula agora 15 ouros, 4 pratas e 4 bronzes. O brasileiro admitiu que ficou parcialmente frustrado por não ter conquistado nenhum ouro em prova individual, sendo prata nos 200 m medley e bronze nos 200 m peito.

Thiago Pereira exibe a prata nos 200 m medley
Thiago Pereira exibe a prata nos 200 m medley
Foto: Satiro Sodre / SS Press

Do Pan, o brasileiro afirmou que a competição revelou atletas que podem brilhar nos próximos anos como Brandonn Almeida (ouro nos 200 m medley) e Henrique Rodriguez, algoz do nadador nos 400 m quatro estilos.

“Por incrível que pareça e por tudo que aconteceu, me emocionei da maneira que fui acolhido. Porque consegui ver o quanto sou querido. Isso me deixou muito satisfeito. Ter esse reconhecimento dos mais novos é muito gratificante. Recebi uma mensagem do Matheus (Santana) dizendo que é meu fã desde pequeno e é isso que a gente vai levar no nosso coração”, completou.

Confira as medalhas do Mr. Pan:

SANTO DOMINGO 2003
Ouro Prata Bronze
- 200 m medley 400 m medley

 

RIO DE JANEIRO 2007
Ouro Prata Bronze
200 m medley
400 m  medley
200 m costas
200 m  peito
4x100 m  livre
4x200 m  livre
4x100 m medley 100 m costas

 

GUADALAJARA 2011
Ouro Prata Bronze
100 m costas
200 m costas
200 m medley
400 m medley
4x100 m livre
4x100 m medley
4x200 m livre 200 m peito

 

TORONTO 2015
Ouro Prata Bronze
4x100 m livre
4x200 m livre
4x100 m medley
 
200 m medley 200 m peito
Guilherme Guido fica com a prata e comemora tempo no Pan

 

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade