Jogos Olímpicos - London 2012

Jogos Olímpicos - London 2012 - De 27 de julho a 12 de agosto de 2012

 

Judo

 
 

Esportes » Esportes

 COB envia nota de pesar pela morte de judoca
04 de novembro de 2008 15h20

O Comitê Olímpico Brasileiro (COB) enviou nota de pesar nesta terça-feira pela morte de Lhofei Shioza, primeiro judoca a participar de uma Olimpíada pelo Brasil, que foi vítima ontem de complicações cardíacas e pulmonares.

Shioza morreu, aos 67 anos, na última segunda-feira, em Goiânia (GO). Ele representou o Brasil nos Jogos Olímpicos do Tóquio 64 e de Munique 72.

Shiozawa também foi responsável pela conquista da primeira medalha do judô nos Jogos Pan-Americanos. Ele foi campeão na edição de 1963 e vice em 1967. Durante sua carreira, ele também foi tetracampeão pan-americano e bicampeão sul-americano. Confira a nota na íntegra:

O Comitê Olímpico Brasileiro lamenta o falecimento de Lhofei Shiozawa, nesta segunda-feira, dia 3/11, vítima de complicações cardíacas e pulmonares. Lhofei foi o primeiro brasileiro a disputar a competição de judô em uma edição de Jogos Olímpicos, em Tóquio-64, quando a modalidade estreou no Programa Olímpico.

O paulista Lhofei Shiozawa, filho de imigrantes japoneses, é um exemplo de esportista que deve sempre ser lembrado pelas gerações futuras. Tendo a disciplina e a dedicação como características marcantes de sua personalidade, o judoca conseguiu se destacar em uma época onde o esporte ainda era uma atividade amadora, o que trazia muitas dificuldades a seus praticantes.

Com força de vontade e enorme talento, Lhofei Shiozawa levou o judô brasileiro a dar seus primeiros passos em competições internacionais. Passos que levariam a modalidade a ser uma das mais vitoriosas em termos de conquistas para o Brasil. Lhofei foi o primeiro judoca brasileiro campeão pan-americano. O atleta conquistou a medalha de ouro nos Jogos Pan-americanos de São Paulo-63.

Além de quinto colocado nos Jogos Olímpicos de Tóquio-64, quando foi derrotado na disputa pela medalha de bronze, Lhofei Shiozawa também disputou os Jogos Olímpicos de Munique-72, quando não chegou à disputa de medalhas. Lhofei defendeu por 12 anos a seleção brasileira de judô.

O Comitê Olímpico Brasileiro manifesta seu mais profundo pesar e se solidariza com a família Shiozawa, com a certeza de que o exemplo de Lhofei ficará marcado para sempre na história do esporte brasileiro.

Redação Terra