6 eventos ao vivo

Apesar de ir com 'time B', Brasil coloca meta de ser top 3 no Pan de Toronto

7 jul 2015
07h11
  • separator
  • 0
  • comentários

O Brasil competirá nos Jogos Pan-Americanos de Toronto com a meta de terminar em terceiro lugar no quadro de medalhas, no critério de total de pódios. E, para isso, levará uma equipe com perfil parecido ao de muitos outros países: sem a presença de várias estrelas, em uma espécie de “time B”.

Arthur Zanetti - Ginástica Artística
Arthur Zanetti - Ginástica Artística
Foto: ivulgação

Na Olimpíada de Londres-2012, o Brasil conquistou 17 medalhas por meio de 59 atletas. Destes, apenas seis estavam confirmados em Toronto até o último dia 2: Arthur Zanetti (ginástica), Thiago Pereira (natação), Robert Scheidt (vela), Yane Marques (pentatlo moderno), Mayra Aguiar e Felipe Kitadai (judô).

A lista pode ficar um pouco maior, já que a convocação das 12 atletas Seleção feminina de vôlei, campeã na Inglaterra, ainda não foi divulgada. Já os demais não irão ao Pan pelos mais diversos motivos: restrição de idade (futebol), lesão, priorização de outras competições e profissionalização, como os irmãos Falcão no boxe.

Com este panorama, o Pan de Toronto se tornará um teste para a Olimpíada do Rio-2016 principalmente para as modalidades em que o Brasil tem menor destaque internacional.

No Canadá, a delegação contará com vários atletas emergentes. Isaquias Queiroz (campeão mundial na canoagem), Aline Ferreira (prata no Mundial de luta olímpica em 2014), e Marcus Vinicius D'Almeida (com resultados expressivos no tiro com arco) são candidatos ao pódio no Pan.

OS DESTAQUES DO BRASIL NO PAN

Medalhistas olímpicos em 2012

Thiago Pereira buscará recorde de medalhas no Pan (Foto: Divulgação)

Seis nomes estão confirmados: Arthur Zanetti, Thiago Pereira, Robert Scheidt, Mayra Aguiar, Felipe Kitadai e Yane Marques. No vôlei feminino, deverão ir Fernanda Garay, Jaqueline e Adenízia.

Outras estrelas

Fabiana Murer foi campeã mundial do salto com vara em 2011 (Foto: Don Emmert/AFP)

Fabiana Murer, campeã mundial no salto com vara, tentará o bicampeonato no Pan. A Seleção feminina de handebol terá dez atletas do grupo campeão mundial em 2013. Outros destaques são Martine Grael/Kahena Kunze (vela) e Isaquias Queiroz (canoagem), também campeões mundiais.

OS DESFALQUES DO BRASIL NO PAN

Medalhistas olímpicos

Cesar Cielo descartou competir no Pan neste ano (Foto: Cleber Mendes/LANCE!Press)

Priorizando outras competições, Sarah Menezes (judô) e Cesar Cielo (natação) não irão a Toronto. O time não terá também nenhum dos medalhistas do Brasil em Londres-2012 no vôlei de praia e no vôlei masculino.

Outras ausências

Diego Hypolito iria competir, mas machucou as costas e teve de desistir de competir em Toronto (Foto: Ricardo Bufolin/CBG)

Rafael Silva (bronze em Londres no judô) e Diego Hypólito se lesionaram. Já a CBB optou por levar um time B a Toronto, sem nenhum dos astros da NBA.





Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade