11 eventos ao vivo

Após surto de Neymar, Daniel Alves reclama de perseguição da arbitragem

17 jun 2015
23h35
  • separator
  • 0
  • comentários

A derrota do Brasil para a Colômbia foi marcada por surtos de irritação de Neymar. Além de pequenos desentendimentos com rivais ao longo do jogo, o camisa 10 “perdeu a cabeça” após o apito final, acertou uma bolada num adversário e iniciou um tumulto generalizado no gramado. No fim, o atacante foi expulso.

Esse, no entanto, não foi o primeiro cartão de Neymar na partida. Ainda no primeiro tempo, após finalização de cabeça e rebote do goleiro Ospina, o atacante bateu com a mão na bola. O juiz Enrique Osses deu amarelo.

Na saída do gramado, Daniel Alves, companheiro de Neymar tanto na Seleção quanto no Barcelona, culpou uma suposta perseguição dos árbitros ao camisa 10 do Brasil.

– Não sei o porquê de o Neymar estar nervoso... Não. Na verdade eu sei. Os árbitros são os culpados, sabem que o Neymar tem uma personalidade... E vão sempre em busca dele. Não é desculpa. No cartão amarelo que ele deu ali... Você não entende. Os árbitros tem de parar de pensar que são protagonistas. Mas temos de nos acostumar. Aqui é América do Sul, todos contra o Brasil. Bem-vindo à Copa América – desabafou o lateral.

Sobre a primeira derrota do Brasil desde a chegada do técnico Dunga, Daniel Alves viu com bons olhos a atuação da Seleção. Na opinião do lateral, o "fator visitante" pesou sobre os brasileiros, haja vista a grande presença de torcedores da Colômbia no Estádio Monumental, em Santiago, no Chile.

– Criamos chances, tivemos oportunidade de empatar o jogo e até vencer. Mas não estivemos acertados no jogo de hoje, acontece, é futebol. Não estamos jogando em casa, é Copa América. Tem de lutar até o fim, é difícil, é duro, as dificuldades surgem e temos de aprender a superá-las – comentou.

O próximo compromisso do Brasil na Copa América acontece neste domingo, às 18h30, contra a Venezuela, também no Estádio Monumental.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade