0

Circuito Mundial: Ágatha e Bárbara Seixas estão nas semifinais no Japão

25 jul 2015
10h57
  • separator
  • 0
  • comentários

O Brasil segue firme em busca do oitavo título consecutivo entre as mulheres no Circuito Mundial 2015. A paranaense Ágatha e a carioca Bárbara Seixas venceram seus jogos pelas oitavas e quartas de final do Grand Slam de Yokohama, no Japão, na madrugada deste sábado. Na semifinal elas enfrentam as canadenses Sarah Pavan e Bansley.

Bárbara e Ágatha comemoram triunfo na fase de grupos
Bárbara e Ágatha comemoram triunfo na fase de grupos
Foto: Denis Ferreira Netto / CBV

Será o quarto encontro entre as duas equipes no Circuito Mundial. As brasileiras venceram duas vezes e as canadenses uma. A semifinal ocorre ainda neste sábado, às 10h (de Brasília, manhã de domingo no Japão). Fernanda Berti/Taiana e Larissa/Talita caíram nas quartas de final, enquanto A dupla Juliana/Maria Elisa perdeu nas oitavas.

A outra partida semifinal colocará frente a frente as alemãs Laura Ludwig e Kira Walkenhorst contra as norte-americanas April Ross e Jennifer Fopma. A final ocorre na madrugada de domingo, às 3h35 (de Brasília).

A classificação de Ágatha e Bárbara foi conquistada na base da superação na partida válida pelas quartas de final do torneio. Após saírem atrás no marcador, o conjunto teve personalidade para reverter a adversidade e vencer as holandesas Marleen Van Iersel e Madelein Meppelink por 2 sets a 1, com parciais de 16/21, 21/19 e 15/9, em 58 minutos de partida.

Horas antes, na disputa das oitavas de final, Ágatha e Bárbara Seixas haviam vencido com tranquilidade as japonesas Sayaka Mizoe e Takemi Nishibori por 2 sets a 0 (21/12, 21/12), em 35 minutos de duração.

Após a eliminação de Larissa e Talita, que não haviam perdido nenhum set no torneio e foram derrotadas nas quartas pela dupla alemã Laura Ludwig/Kira Walkenhorst, por 2 sets a 0, (21/18, 21/18), em 37 minutos de partida, Taiana/Fernanda Berti entraram em quadra esperançosas por uma vaga na semifinal.

Com primeiro set vencido por 21 a 15, tudo levava a crer em um novo confronto brasileiro no Circuito Mundial de Vôlei de Praia, já que a dupla que passasse jogaria na fase seguinte contra as vencedoras do jogo 68, entre Ágatha/Bárbara Seixas e Meppelink/Van Iersel, da Holanda.
Porém, erros não forçados e o crescimento de Sarah Pavan na partida ajudaram a reverter este cenário positivo. Apesar de lutarem muito, o fim de disputa teve vitória de Bansley/Pavan, que anotou 2 sets a 1, de virada, com parciais de 21/15, 15/21 e 10/15, em 50 minutos.

Horas antes, Fernanda Berti e Taiana (RJ/CE) haviam superado nas oitavas de final outra dupla brasileira: Juliana e Maria Elisa (CE/PE). Em uma partida de reviravoltas, triunfo das vice-campeãs mundiais por 2 sets a 1 (18/21, 21/16, 15/12), em 59 minutos de duração.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade