1 evento ao vivo

Meia do Bahia relembra eliminação contra o Botafogo e espera 'história diferente'

25 jul 2015
12h45
  • separator
  • comentários

A tarde deste sábado promete um grande confronto entre o meia do Bahia Eduardo, e o Botafogo, na Arena Fonte Nova, pela Série B do Campeonato Brasileiro. Além do duelo do líder contra o quarto colocado na tabela, a partida será uma revanche para o jogador do Tricolor Baiano. No ano passado, quando ainda jogava pelo Ceará, o atleta enfrentou o clube carioca, pelas oitavas de final da Copa do Brasil. Os dois confrontos acabaram se tornando memoráveis, e o Vozão quase conseguiu a classificação histórica, após eliminar o Internacional na fase anterior.

Meio-campo de confiança de Sérgio Soares, o jovem Eduardo é o mais novo reforço do Bahia
Meio-campo de confiança de Sérgio Soares, o jovem Eduardo é o mais novo reforço do Bahia
Foto: EC Bahia

O meia recorda os confrontos contra o clube da Estrela Solitária e fala que o encontro terá um novo desfecho.

- Será um grande jogo. Naquela oportunidade, nós tivemos uma excelente atuação no Rio, ganhamos de 2 a 1 e eu pude marcar o meu primeiro gol no Maracanã, um acontecimento importante na minha vida. Infelizmente, nós não passamos de fase, por causa de alguns lances polêmicos no segundo jogo. O nosso time estava fazendo uma campanha muito boa: eliminamos o Internacional e a Chapecoense, dois times da Série A. Queríamos que o Botafogo fosse o terceiro, o que não aconteceu. Mas, desta vez, a história será diferente. O Botafogo vive um momento distinto, liderando a Série B, e eu estou em um outro clube também. Sei que meus companheiros estão focados em vencer – disse o jogador.

Com camisa do Bahia, Eduardo soma quatro partidas, três vitórias e uma derrota. E foi jogando na Arena Fonte Nova, palco deste sábado, que o jogador conseguiu seus triunfos com a camisa tricolor. Eduardo ressalta a importância do mando de campo neste sábado.

- Este será um jogo vital para nós. Vamos enfrentar o líder do campeonato dentro da nossa casa. Temos que fazer valer o apoio da torcida e sair de campo com os três pontos de qualquer forma. Se vencermos, o Bahia vai ficar colado na liderança com a mesma pontuação. Mas, se o resultado positivo não vier, nós podemos até deixar o G4. Por causa disso, nossa equipe tem ciência de que o confronto de sábado será uma partida-chave para as nossas ambições na competição – concluiu o atleta.

LANCE!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade