2 eventos ao vivo

Irmãos Nogueira são liberados por médicos e já programam retorno

25 abr 2012
20h44
atualizado às 21h53

Longe do UFC nos últimos meses por conta de lesões, os irmãos Nogueira retornarão em breve ao octógono da maior organização de MMA do mundo. O peso-pesado Rodrigo Minotauro recuperou-se de uma fratura no úmero do braço direito, sofrida no UFC 140, que foi realizado em dezembro de 2011. Já o meio-pesado Rogério Minotouro se encontra em plenas condições após passar por uma cirurgia por conta de uma lesão no joelho, que o impediu de disputar o UFC Suécia, no último dia 14.

» De A a Z: saiba tudo sobre o campeão Anderson Silva

"Os dois estão com o aval para inciar a preparação física e os treinos. O Rodrigo, inclusive, já está treinando jiu-jitsu normalmente e se mostra completamente recuperado da lesão no braço", garantiu a fisioterapeuta Angela Côrtes, que cuida da recuperação dos atletas.

A relação entre Angela e os Nogueira vai muito além da profissional. Após submeter-se a uma cirurgia na bacia, Rodrigo foi apresentado à fisioterapeuta e tornou-se o primeiro paciente oriundo do MMA. Com o tempo de convivência as famílias tornaram-se amigas e passaram a frequentar lugares em comum.

"Houve uma integração muito grande entre o profissional da saúde e o paciente. Por intermédio do Minotauro eu pude ingressar no mundo do MMA. Sempre acreditei desde o primeiro dia que conseguiríamos realizar um bom trabalho", contou.

Devido ao estreito laço de amizade, ela confessou que foi muito dificil assistir a contusão de Big Nog (como é carinhosamente apelidado Minotauro nos Estados Unidos) contra o norte-americano Frank Mir.

"Foram duas situações de conflitantes. Em agosto, tivemos uma alegria muito grande com o nocaute sobre o Schaub. Já na luta em seguinte, em dezembro, aconteceu aquilo (fratura no úmero), é triste, mas fazer parte do esporte", concluiu.

Retorno ao octógono

Enquanto Rogério Minotouro aguarda uma decisão do Ultimate Fighting Championship para conhecer o próximo adversário, Minotauro descobriu nesta quarta-feira o próximo final dentro do evento mais popular de lutas do planeta.

O experiente atleta brasileiro encarará no dia 21 de julho, em Calgary, no Canadá, o também veterano Cheick Kongo. Minotauro entrará no octógono pressionado por conta da derrota contra Frank Mir, em dezembro do ano passado, justamente quando obteve a fratura no úmero, que o afastou das atividades.

Minotauro (foto) e o irmão Minotouro foram liberados pelos fisioterapeutas
Minotauro (foto) e o irmão Minotouro foram liberados pelos fisioterapeutas
Foto: Ricardo Matsukawa / Terra
Fonte: Lancepress!
publicidade